CANOAGEM

Artur Pereira com ambições no ‘Nacional’ de Velocidade

Artur Pereira, canoísta de Esposende que alinha no Sporting CP, parte com ambições para Campeonato Nacional de Regatas em Linha, que se realiza no fim de semana, no Centro de Alto Rendimento (CAR) de Montemor-o-Velho.

Artur Pereira vai participar nas provas de K1 200 e K1 500 metros, tendo como ambição melhorar o quinto lugar conseguido o ano passado na prova dos 200m.

“Encaro o ‘Nacional’ de pista como qualquer outra prova, em que tentarei dar o meu melhor para conseguir o melhor resultado possível”, começou por referir o canoísta de Esposende, que acrescentou: “sinto-me na minha melhor forma! Obviamente que será um campeonato diferente, sem público, sem família a assistir, mas na minha opinião já é fantástico podermos competir! A FP Canoagem tem sempre uma organização fantástica e desta vez superou-se com a preparação do mais detalhado ao pormenor para que todos os atletas se sintam em segurança e que possam disfrutar do melhor que este desporto nos dá”.

Artur Pereira sente-se motivado e preparado para melhorar a classificação obtida na época passada: “é um ano atípico e vale o que vale, mas, óbvio, que tenho as minhas ambições! No ano passado fui quinto no K1 200m, este ano ambiciono igualar ou melhorar esse resultado. Nunca temos vontade de andar para trás, mas sempre de conquistar mais e melhor!”.

O canoísta de Esposende lamenta apenas não poder disputar a prova de equipas…

“Vou disputar as provas de K1 200m e K1 500m. Infelizmente este ano não poderemos fazer barcos de equipa, mas não podemos querer tudo, já é muito bom podermos competir! Para o ano estaremos juntos novamente a competir em barcos de equipa!”.

De referir que no Campeonato Nacional de Regatas em Linha vão marcar presença os atletas que integram o Projeto Olímpico: Fernando Pimenta, Emanuel Silva, João Ribeiro, Messias Baptista, David Varela, Joana Vasconcelos, Teresa Portela e Francisca Laia, prevendo-se, por isso.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS