Sem categoria

André Pinto e Bruna Parente (VRL) convocados para o Mundial de Remo de Mar

André Pinto e Bruna Parente, do Viana Remadores do Lima, estão convocados para integrar a Seleção Nacional para o Campeonato do Mundo de Remo de Mar Beach Sprint, que se realiza de 24 a 26 de setembro, em Oeiras.

Os dois remadores do VRL vão formar a tripulação de CMix2x (double(2x) misto).

ANDRÉ PINTO: “É MAIS UM DESAFIO QUE TENHO PELA FRENTE”

André Pinto, que se encontra a preparar a sua participação no Campeonato da Europa de Sub-23 que se realiza em Kruszwica, na Polónia, considera que “este é mais um desafio que tenho pela frente” e adiantou: “já fiz uma prova de Remo de Mar no formato do Campeonato do Mundo, mas penso que vai ser mesmo uma nova experiência para mim”.

Até porque a preparação, a técnica e os barcos são diferentes… “como é noutro tipo de barcos já envolve outra logística! E é preciso treinar a entrada, a saída e o controlo sobre as ondas do mar no barco”.

FOCADO NO CAMPEONATO DA EUROPA DE SUB-23

Como é coordenar a preparação para o Campeonato da Europa e o Mundial de Remo de Mar? “Neste momento o Europeu de Sub-23 continua a ser a prioridade. Ou seja, estou a preparar o Campeonato da Europa, que se realiza no início de setembro, e a partir daí começo a ir para a água com a Bruna e a treinar saídas, entradas e a tentar criar um bocado de conjunto para o Campeonato do mundo de Remo de Mar”.

Como está a correr a preparação para o Europeu? “Está a correr bem, um bocado diferente do normal por já ter parado para umas miniférias. Mas ainda assim tenho conseguido sensações melhores e evoluído constantemente”.

ESTÁGIO ARRANCA AMANHÃ

André Pinto integra amanhã o estágio com a Seleção Nacional, que decorre até ao fim de semana e viaja para a Polónia no dia um.

Sobre o Europeu de Sub-23, André Pinto não tem dúvidas… “pretendo melhorar a prestação do ano passado e, se possível, testar e produzir um andamento melhor e mais fluído”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS