Sem categoria

Nélson Cruz (Moto Galos) no pódio da Copa Dunlop Motoval

Nélson Cruz, Associação Clube Moto Galos de Barcelos, conquistou o terceiro lugar no pelotão das +850cc da Copa Dunlop Motoval, prova integrada no Campeonato Nacional de Velocidade 2021.

Na sexta e derradeira jornada, que se disputou na pista do Estoril, o piloto barcelense travou uma luta intensa aos comandos da sua Yamaha R1 para conseguir chegar ao pódio. Na primeira manga terminou em quinto lugar e foi o terceiro mais rápido na corrida seguinte.

Nas contas finais, obteve um “fabuloso e inesperado” terceiro posto na geral, “numa época difícil, de muito trabalho, mas de melhoria contínua e de resultados encorajadores”, disse Nélson Cruz.

“O sonho das Superbike continua aceso. O desfecho desta época premeia a coragem e a ousadia, é a recompensa merecida para os envolvidos no projeto, que sofreram comigo até ao último segundo. Estou eternamente grato à minha equipa e aos patrocinadores por me proporcionarem todas as condições para esta conquista”.

Rui Palma (Ducati V4R), piloto da parceria Team Moto Galos/Clube Motorizado do Troço, participou na Classe 2 da Copa Dunlop Motoval. O piloto vianense ficou sem pontuar em ambos os desafios, em consequência de uma valente queda no primeiro heat. Foi sexto na classificação acumulada.

O o barcelense João Cruz fez nono lugar na classe 1 (motos -850cc), cujo vencedor foi Victor Barros, da Frammenti Racing Team.

No Circuito do Estoril esteve ainda em ação Marco Diaz Monteagudo, de 16 anos, em representação das cores do Team Moto Galos/Clube Motorizado do Troço. Aos comandos de uma MV Agusta F3 675, competiu nas Superstock 600, onde conseguiu a pole position, a volta mais rápida e a vitória folgada nas duas corridas.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS