ATLETISMO

EARO brilha no Estádio 1.º Maio

Escola Atletismo Rosa Oliveira esteve em grande destaque nas Provas de Preparação da Associação de Atletismo de Braga, que se realizaram domingo no Estádio 1.º de Maio, em Braga.

A equipa de Joane, que viu quase todos baterem os seus recordes pessoais, conquistou vários primeiros lugares e muitos pódios.

Assim, nos 500 metros Benjamins A/B femininos, Mariana Martins venceu com a marca de 1.31.90, enquanto Leonor Gonçalves foi terceira (1.42.32) e Luísa Castro terminou na sexta posição (1.47.55).

Nos 500 metros Benjamins A/B masculinos, Afonso Pereira foi segundo com o tempo de 1.43.71. Hugo Vaz terminou em quinto (1.57.36), Luís Neto foi sexto (2.00.34) e Lourenço Pereira oitavo (2.13.42).

Mariana Maciel venceu nos 800m Inf/Ini femininos ao fazer a marca de 2.22.57m. Bruna Pereira realizou o tempo de 2.37.23, Inês Almeida fez 2.41.93, Maria Machado 2.47.93, Maria Baltar 2.48.66 e Ana Silva concluiu a prova com o tempo de 2.51.11.

Nos 800 metros Inf/Ini masculinos, Gonçalo Rodrigues realizou o tempo de 2.21.57 e terminou na terceira posição, enquanto Tiago Silva foi quinto (2.29.25) e Francisco Barros sétimo (2.31.17).

Ana Marinho esteve em destaque nos 1500 m Juv/Sen ao vencer com a marca de 4.42.18, Beatriz Fernandes foi segunda com o 5.03.76, Ana Faria fez terceiro lugar (5.06.14) e Cátia Silva foi quarta classificada com o tempo de 5.29.69.

Em masculinos de destacar o segundo lugar de Rui Oliveira que realizou a marca de 4.14.85. João Rodrigues fez terceiro lugar com o tempo de 4.14.85, João Azevedo terminou em quinto (4.20.22), Rui Fernandes foi sexto (4.20.76) e Leandro Gonçalves oitavo (4.25.49).

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS