CICLISMO

SAERTEX com cinco ‘caras novas’

Diogo Almeida, César Oliveira, Márcio Taledo, Nuno Gomes e André Maia são, para já, as ‘caras novas’ da SAERTEX Portugal/Edaetech, formação que volta a apostar no BTT XCM e XCO.

Diogo Almeida é o mais novo reforço da equipa de Viana do Castelo. Com 14 anos, Diogo Almeida, de Lordelo, Monção, vai reforçar a equipa de Juvenis em BTT XCO. De referir que o atleta chegou a representar o CC Monção algumas provas.

Carlos Rocha considera que “o Diogo Almeida está motivado e tem muita vontade de evoluir”.

Para a equipa de Elites chegam três atletas: André Maia, natural de Esposende, Márcio Taledo, ciclista de Ponte da Barca, que depois de uns anos ao serviço do Batotas/Ponte de Lima, regressa à SAERTEX Portugal-Edaetech.

De regresso ao clube está ainda César Oliveira. O ciclista esteve ausente das pistas por motivos profissionais, regressa agora a um clube que conhece e por quem quer conquistar bons resultados, essencialmente, em XCO.

Nuno Gomes, natural de Palmeira, Braga, correu pelo Batotas/Ponte de Lima e este ano vai reforçar a equipa de Master 30 em XCM.

 Entretanto, o clube mantém nas suas fileiras Hermenegildo Alves, António Melo, Domingos Rufo, Manuel Pinto, Tierre Mendes, Esmeraldo Lopes, Marco Macedo, João Barbosa, Carlos Rocha, Márcio Lourenço, Bruno Anselmo, Tiago Ribeiro, Virgínia Moreira, Tiago Almeida, Nuno Novais, Nélson Sá, Ivo Pereira, Pedro Vilela, Carlos Cruz, João Loureiro, Ana Campos.

Comentários

Artigos relacionados

Ver também
Fechar
Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS