VOLEIBOL

‘Super’ Vitória SC afastado da final da Taça de Portugal

O Vitória SC perdeu, esta tarde, por 3-1 com o Fonte Bastardo e está fora da final da Taça de Portugal masculino de Voleibol, que se realiza amanhã, às 17.45 horas, no Centro Cultural de Viana do Castelo.

Apesar da derrota, o Vitória SC deu uma demonstração de querer e determinação, obrigando mesmo o ‘todo-poderoso’ Fonte Bastardo a trabalhos forçados para levar de vencida a formação orientada por João Santos.

O Fonte Bastardo entrou, como se esperava, forte e tomou conta do primeiro set, vencendo por 25-17.

No entanto, o Vitória SC reagiu e mostrou toda a sua garra no segundo set, vencendo por 22-25. No terceiro set, a luta foi intensa, acabando por vencer a maior experiência do Fonte Bastardo (25-19).

UM QUARTO SET IMPRÓPRIO PARA CARDÍACOS

O quarto set foi impróprio para cardíacos e lembrou a mítica luta de ‘David contra Golias’. O Vitória SC entrou a perder, mas nunca virou a cara à luta e por várias vezes virou o marcador. Esteve a vencer por 18-21 e podia ter fechado o set. Não aconteceu e o Fonte Bastardo reagiu… mas teve um de se aplicar a fundo para vencer por 30-28.

O Vitória SC é afastado da Taça de Portugal, mas sai de cabeça bem erguida e a prometer dar ainda que falar… para a semana arranca já a Taça Federação.

JOÃO SANTOS: “CONSEGUIMOS DIGNIFICAR O CLUBE”

No final do jogo, João Santos, treinador do Vitória SC, referiu que “fizemos um bom jogo e podemos estar orgulhosos do que conseguimos” e adiantou que “nos momentos decisivos do jogo notou-se a diferença de experiência das duas equipas. O Fonte Bastardo, para além da forte equipa que é, está habituado a estar nestes momentos decisivos e conseguiram controlar as emoções e a ansiedade”.

Como sentiu os jogadores no final do jogo? “Eles estavam orgulhos pelo que tinham feito, tristes pela derrota, desapontados pelo desfecho do encontro, mas orgulhosos porque conseguimos dignificar o clube e levaram a decisão até aos últimos momentos”.

No quarto set chegou a acreditar que era possível chegar à final? “Nós sempre acreditamos que podíamos discutir e ganhar o jogo. Não era uma tarefa fácil, mas entramos com esse intuito, até porque era uma eliminatória e nós estávamos todos bem preparados. Depois quando vencemos o set… A verdade é que podíamos ter levado a decisão para a negra. Tivemos bola para fechar o set, mas se calhar isso pesou um bocadinho. Depois a maior experiência do Fonte Bastardo decidiu o jogo”.

TAÇA FEDERAÇÃO “É LEGÍTIMO DA NOSSA PARTE ASPIRAR À FINAL”

João Santos acredita que a exibição de hoje vai marcar positivamente o futuro da equipa… “Para a semana entramos já na Taça Federação e queremos muito chegar à final. O primeiro jogo é já para a semana frente ao SC Espinho. É uma equipa que ficou à nossa frente e fez uma primeira fase muito boa, a segunda não correu tão bem. Não os vamos apanhar na melhor fase, mas será sempre uma equipa difícil e nós também o seremos”.

“Espero poder discutir cada jogo, contra qualquer equipa como o fizemos hoje frente ao Fonte Bastardo e é legítimo da nossa parte aspirar à final”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS