NATAÇÃO

Pedro Faia (GDN Famalicão): “nadadores demonstraram competência e capacidade de superação”

“Os nadadores de Famalicão demonstraram toda a sua competência e capacidade de superação na procura constante dos resultados desportivos de excelência” disse Pedro Faia, coordenador técnico do GDN Famalicão, a propósito dos resultados obtidos pela sua equipa nos Regionais que se realizam no fim de semana em Felgueiras.

O GDN Famalicão apresentou-se nestes Regionais com uma comitiva de 16 nadadores, tendo conquistado nove títulos de Campeão, seis de Vice-Campeão e ainda sete medalhas de bronze, terminando assim na quarta posição da Estatística de Medalhas.

Os títulos foram conquistados pelos Juniores João Oliveira (50m Bruços, 100m Bruços, 200m Bruços e 50m Mariposa), Daniela Lopes (200m Livres, 1500m Livres, 200m Bruços e 200m Mariposa) e ainda pela estafeta masculina de 4x100m Estilos.

Pedro Faia considera que “os Regionais decorreram de acordo com as expectativas” e salientou que, para além das medalhas, “89 por cento dos atletas conseguiram bater os seus recordes pessoais e asseguraram-se ainda mínimos de acesso para os Campeonatos Nacionais”.

Depois dos festejos, o GDN Famalicão regressa ao trabalho “vamos agora iniciar o TAPER rumo aos Nacionais na certeza que tudo faremos para conquistar mais e melhores resultados”.

“Estes nadadores dão a confiança desejada para as próximas conquistas no panorama nacional” disse Pedro Faia.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS