BASQUETEBOL

BC Barcelos preparado para defrontar SC Braga

“A equipa está bem, está confiante e preparada para regressar à competição” disse Albino Mota, treinador do BC Barcelos, equipa que defronta no sábado o SC Braga, naquele que é o jogo grande da quarta jornada do Campeonato Nacional da I Divisão masculina de Basquetebol.

Albino Mota acredita que o BC Barcelos está hoje mais forte do que no arranque da  época.. “nós estamos diferentes. Nos primeiros jogos entramos um pouco apáticos, penso que foi pelo facto de estarmos numa divisão acima, ainda habituados à divisão inferior. Depois reagimos e contra o FC Porto B já estivemos muito melhor. Acredito que neste jogo com o SC Braga vamos estar ainda melhores. Teremos de ter muito cuidado com os ressaltos e com os turnovers”.

Para o técnico do BC Barcelos a paragem não foi benéfica “veio-nos trazer problemas com o planeamento e obrigou-nos a parar. Digamos que deu apenas para descansar porque nem sequer permitiu que os atletas tocados pudessem ir aos tratamentos”.

Sobre o SC Braga, Albino Mota lembra que “já os conhecemos, tivemos a oportunidade de os ver jogar nas duas primeiras jornadas. É uma equipa muito difícil, com muito valor. Nós estamos melhores que no arranque da época e penso que estão reunidas as condições para ser um bom jogo e que a vitória pode cair para qualquer dos lados. Acredito que vamos assistir a grandes alternâncias no marcador durante o jogo e que vai ser um bom espetáculo de basquetebol”.

Para o jogo de sábado, o BC Barcelos não pode contar com Edivino Miranda, a recuperar ainda de lesão que contraiu na pré-época.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS