CICLISMO

Nove minhotos na Prova de Reabertura – Taça de Portugal

São nove os ciclistas minhotos que participam esta tarde na Prova de Reabertura – Taça de Portugal, primeira prova de ciclismo da era Covid 19. A competição, um contrarrelógio individual de 22 quilómetros, tem partida no Centro de Alto Rendimento de Anadia e chegada na Rua da Fonte Nova, em Sangalhos.

Entre os minhotos, os grandes candidatos aos primeiros lugares são os Elites Tiago Machado (EFAPEL), que foi sexto classificado nos Campeonatos Nacionais do ano passado em Melgaço, José Mendes (W52 – FC Porto) e João Matias (Aviludo-Louletano).

Entre os Sub-23 as atenções viram-se para Iúri Leitão (GD Supermercados Froiz), que foi quinto nos ‘Nacionais’ de Melgaço, para Daniel Dias (Sicasal – CM Torres Vedras), que se sagrou Vice-Campeão de Juniores em CR, e ainda João Salgado (JV Perfis – Gondomar Cultural). José Dias (Fortunna-Maia), Pedro Silva (Rádio Popular – Boavista) e César Costa (Santa Maria da Feira – Segmento) partem também à procura da melhor posição possível entre os atletas de Sub-23.

JOÃO MATIAS: “O MAIS IMPORTANTE É VOLTAR À COMPETIÇÃO”

“O mais importante do dia de domingo é voltar à competição e mostrar a toda a gente que o ciclismo é capaz de cumprir as regras e seguir o plano que foi estruturado pela Federação Portuguesa de Ciclismo e elogiado pela DGS”, começou por afirmar o ciclista barcelense, que alinha na equipa algarvia do Aviludo-Louletano.

Quanto a objetivos pessoais “penso que posso fazer um bom tempo pois trabalhei bem nas últimas semanas, mas vou um pouco no escuro como todos os outros pois não competimos há muito” e acrescentou que “não levo nenhum resultado em concreto há vista, mas acredito na possibilidade de fazer um bom tempo”.

JOSÉ MENDES: “TENHO MUITA VONTADE DE VOLTAR A COMPETIR”

José Mendes, ciclista de Guimarães que alinha na W52 – FC Porto, diz-se preparado para o regresso das provas: “estas últimas semanas tenho treinado bem, estou a sentir-me bem. Domingo é a prova de reabertura, não sabemos bem o que nos espera. Fazemos o trabalho de casa, mas só no dia da competição é que sabemos como estamos”.

José Mendes confessa que “tenho muita vontade de voltar a competição. Vai ser um esforço doloroso porque é um contrarrelógio individual, mas penso que foi uma boa decisão, assim será mais fácil de cumprir com as medidas impostas. Depois aos poucos e poucos retomar a competição normal”.

JOÃO SALGADO: “FELIZ PELO REGRESSO DA COMPETIÇÃO”

João Salgado, ciclista de Guimarães que alinha na JV Perfis – Gondomar Cultural, parte para a Prova de Reabertura com a esperança de fazer uma boa prova, mas “principalmente, feliz pelo regresso da competição”.

O ciclista de Guimarães refere que “vou dar o meu melhor, mas vou para a prova sem grande pressão. Vamos ver o que vai dar”.

“Estou pronto para o regresso das competições, tenho trabalhado bem e vou dar o meu melhor neste retomar das competições. Se estiver num bom dia penso que posso fazer um bom tempo”.

DANIEL DIAS “ESPERO ESTAR BEM E DISCUTIR O PÓDIO EM SUB-23”

Daniel Dias, ciclista que se sagrou Vice-Campeão de Juniores pela Seissa|KTM-Bikeseven|Matias&Araújo|Frulact em 2019, parte para a Prova de Reabertura – Taça de Portugal confiante em conquistar um bom resultado.

“Espero estar num dia bom para, pelo menos, discutir o pódio dos Sub-23” começou por afirmar o ciclista que agora representa a Sicasal – CM Torres Vedras, que adiantou que “costumo estar bem nos contrarrelógios e este é ao meu jeito. Vamos ver como corre a prova”.

Daniel Dias referiu ainda que “a preparação tem corrido bem, estivemos em estágios, mas só saberemos como estamos na competição. Espero estar num bom dia”.

IÚRI LEITÃO “FAZER O MELHOR POSSÍVEL”

Iúri Leitão, ciclista de Viana do Castelo que alinha no GD Supermercados Froiz, parte determinado a fazer o melhor… “não sei ao certo como vai correr a prova de Reabertura. Este regresso após tanto tempo de paragem deixa-me um pouco ‘às cegas’ e é-me difícil prever o que vai acontecer. Vou com o pensamento de fazer o melhor tempo possível e, no final, analisar e perceber a que nível estou no momento”.

De referir que o primeiro corredor a sair para a estrada é Pedro Andrade (Hagens Berman Axeon), às 15h00. Rui Costa fecha a lista de partida, às 16.32h.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS