CICLISMO

Bombos S. Sebastião motivado para a Taça de Portugal de Maratonas

O Bombos S. Sebastião/LusoPrint/MonçãoBike parte motivado para a primeira prova da Taça de Portugal de Maratonas (XCM), que se realiza no fim de semana em Penacova.

O conjunto de Viana do Castelo apresenta-se em prova com uma comitiva de 16 ciclistas e a ambição de “conseguir os melhores resultados a nível individual em todas as categorias”, afirmou Jorge Sousa, responsável pelo Bombos S. Sebastião.

Jorge Sousa salientou que “claro que temos sempre ideia de ver revalidado o título individual em Master30 e melhorar significativamente os resultados por equipas, tanto em Elites como Masters”.

De referir que o Bombos S. Sebastião alcançou, na época, passada o segundo lugar por equipas em Elites, sendo sétimo em Masters.

Jorge Sousa refere que para a presente época “fizemos algumas contratações para podermos estar na frente das classificações, mas no Ciclismo nada é garantido”.

Para o arranque das provas a nível Nacional “a equipa encontra-se com um bom espírito entre os atletas, diretores e os elementos de Staff. Tudo pronto para dar início a mais esta aventura”.

Para esta prova o Bombos S. Sebastião vai alinhar com Rui Rego, Hélder Laranjeira, Pedro Silva, Rui Souto (Elites/Sub-23) José Oliveira, Tiago Amoedo, Daniel Pimenta, Tiago Moreira, Jorge Sousa, António Gomes, Paulo Freitas, António Viana, António Souto, João Amaro, Joaquim Sá (Masters) e o Paraciclistas Roberto Soares.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS

Quer promover o seu evento?
Contacte-nos...