CICLISMO

Gonçalo Gaspar (Terras Bouro) revalida título de Campeão Nacional: “é um grande orgulho e um sentimento de dever cumprido”

“É com grande orgulho e sentimento de dever cumprido que revalidei o título de Campeão Nacional de Enduro BTT em Master 30”, disse Gonçalo Gaspar, ciclista do BTT Enduro Terras de Bouro.

Com a vitória no Campeonato Nacional, que se realizou em que decorreu em Castelo de Vide, Gonçalo Gaspar fez a ‘dobradinha’ no Enduro, pois já tinha conquistado a Taça de Portugal…

“Este era o objetivo principal e assumido para este” disse Gonçalo Gaspar, que salientou que “a modalidade está cada vez mais exigente e com adversários do mais alto nível”.

Sobre a prova de domingo, Gonçalo Gaspar referiu que “a pista de Castelo de Vide prima pela dificuldade técnica, com trilhos muito duros, em que a componente mecânica assume um papel preponderante. Depois de um dia de treino desafiante, com vários problemas a nível mecânico, previa-se uma prova bastante exigente a nível físico, mas também psicológico”.

“A presença de atletas muito fortes, de várias vertentes do Ciclismo e doutros campeonatos, dificultaram ainda mais a gestão da corrida, mas as emoções fortes e a estratégia mais ponderada foram determinantes na conquista desta vitória” afirmou.

Na hora de festejar, Gonçalo Gaspar enalteceu “o apoio incondicional da minha equipa. Foi determinante na reposição da minha confiança” e adiantou que “a presença da minha família, minha esposa e minha filha foram a maior motivação deste sacrifício. A elas ofereço esta medalha. Agradeço ainda aos patrocinadores e amigos, uma vénia, por tornarem tudo isto mais do que um sonho, uma realidade!”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS

Quer promover o seu evento?
Contacte-nos...