ATLETISMO

EARO domina Milha da Liberdade

A Escola Atletismo Rosa Oliveira dominou a Milha da Liberdade, prova que se disputou sábado na Póvoa de Lanhoso, e venceu coletivamente nos escalões de Formação e em Absolutos.

A equipa de Joane impôs-se nos escalões de Formação – de Benjamins a Juvenis – e venceu com 291 pontos, deixando na segunda posição o U.D. Várzea (164 pontos) e o FC Vizela foi terceiro com 140 pontos.

Em Absolutos – Juniores, Seniores e veteranos – , a EARO também somou 238 pontos e subiu ao mais alto lugar do pódio.

O grande destaque vai para a vitória de Ana Marinho no escalão principal (Juniores, Seniores e Veteranas femininas). Já na prova masculina Francisco Silva foi segundo na geral e venceu no escalão Júnior

Mariana Maciel e Tiago Silva venceram em Infantis, enquanto Ana Faria e Leandro Gonçalves ganharam em Juvenis.

De realçar o segundo lugar de Gonçalo Rodrigues em Iniciados, enquanto em Infantis Mariana Martins foi terceira.

Em Juvenis João Azevedo alcançou o terceiro lugar e João Rodrigues fez terceiro lugar em Juniores, sendo quarto da geral.

Em veteranas F40 Anabela Silva venceu e Rita Isabel terminou em terceiro lugar, enquanto em masculinos Rui Ramos foi terceiro. No escalão de veteranas F50 Rosa Oliveira fez segundo lugar e Elsa Gonçalves terceiro.

Participaram ainda Beatriz Silva, Luís Neto, Lourenço Pereira, Hugo Vaz, Tomás Ramos, David Cortinhas, Afonso Pereira, Leonor Gonçalves, Ana Silva, Rafaela Araújo, Luísa Castro, Maria Machado, Leonor Pereira, Afonso Silva, Maria Baltar, Inês Silva, Joana Azevedo, Margarida Rodrigues, João Moura, Pedro Castro, Joel Silva, Tomás Pereira, Rafael Castro, Nelson Oliveira, Rui Fernandes, Rui Oliveira, José Araújo, Américo Oliveira, Alexandre Simões, Bruno Pereira, António Gonçalves, Rui Martins, Miguel Marinho, José Araújo, Diogo Silva, Hélder Silva, Liliana Santos, Bruna Ortiga, Sónia Gomes e Sara Oliveira.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS