BASQUETEBOL

Maria Fonte motivada para a Final Four de Sub-16

O Maria da Fonte está motivado para a Final Four do Campeonato Distrital de Sub-16 femininos da Associação de Basquetebol de Braga, que se realiza entre sexta-feira e domingo, no Pavilhão da Escola Secundária da Póvoa de Lanhoso.

A equipa treinada por José Eduardo Silva encara esta fase final como mais uma etapa de aprendizagem, mas quer mostrar o seu valor e, porque não, revalidar o título conquistado em 2019, numa final disputada também na Póvoa de Lanhoso…

“As finais têm na sua génese emoções e estas por sua vez traduzem-se em aprendizagens tanto nos bons resultados como nos maus. É assim que encaramos as finais, como mais um momento de aprendizagem”, começou por afirmar o treinador do Maria da Fonte.

“CHEGOU O MOMENTO DESTAS ATLETAS DESFRUTAREM UM POUCO DA MODALIDADE QUE ESCOLHERAM”

José Eduardo Silva referiu ainda que “também chegou o momento destas atletas poderem desfrutar um pouco da modalidade que escolheram. O COVID tirou-lhes tanto, e continua a tirar, das suas etapas de formação, que o mais interessa é que elas desfrutem e sejam mais capazes no final para os desafios seguintes”.

Qual a importância de jogar em casa? “Jogar em casa é sempre uma vantagem, principalmente, numas finais concentradas. Assim, temo menos horas de viagem, melhor controlo do descanso, etc. O que pode pesar é o sentimento de não conseguirmos diante dos nossos, mas isso é uma responsabilidade que temos de assumir, assim como as vantagens que conquistamos ao longo da fase regular”, referiu José Eduardo Silva.

O Maria da Fonte tem já um longo historial nas fases finais, mas parte das atuais atletas vão estrear-se nestas andanças… “Esta geração não conseguiu ainda exprimir as suas capacidades e marcar a sua posição. O Covid tirou-lhe as duas fases finais de Sub-14 e esta é a primeira fase final que vão experienciar como grupo”, disse José Eduardo Silva, que acrescentou que “algumas delas já adquiriram competências com a geração mais velha e já tiveram a oportunidade de vencer títulos distritais com elas. Agora têm a oportunidade de lutar e mostrar que também o podem fazer no seu escalão”.

Como sentiu a equipa esta semana? “Já com o nervosismo, que faz parte, e com vontade que sexta-feira chegue o quanto antes”.

O Maria Fonte defronta no primeiro jogo da Final Four o GDAS, em partida que se realiza às 20 horas de sexta-feira.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS

Quer promover o seu evento?
Contacte-nos...