NATAÇÃO

GDN Famalicão brilha em Paredes

O GDN Famalicão continua em grande destaque no Campeonato Regional de Juvenis da Associação de Natação Norte de Portugal, que decorre na Piscina Municipal Rota dos Móveis, em Recarei, Paredes. Na sessão que se disputou esta tarde a equipa famalicense conquistou mais 12 títulos de Campeão Regional e bateu um recorde nacional.

O conjunto de Famalicão bateu o recorde nacional de Juvenis B na prova de 4x50m Livres Mistos, por intermédio de Tiago Mendes Costa, Ana Cruz, Beatriz Coentrão e Tiago Carvalho Costa. O quarteto famalicense completou a distância em 1.53,07m.

O GDN Famalicão lidera a Estatística de Medalhas com um total de 28 títulos de Campeão (contra os 10 do FC Porto), 10 de Vice-Campeão e ainda duas medalhas de bronze.

Ana Cruz, Rodrigo Pereira, Rui Santos e Francisco Silva somam três títulos de Campeão Regional cada.

A AD Fafe não conseguiu pódios no dia de hoje, ocupando o sétimo lugar do medalheiro, com nome medalhas conquistadas e dois títulos de Campeão Regional.

RESULTADOS

4x50mm Livres Mistos

Juvenis A: 1.º Famalicão.

Juvenis B: 1.º Famalicão (recorde nacional)

800m Livres

Juvenis A: 1.º Rui Santos (Famalicão)

50m Bruços

Juvenis b: 1.º Ana Carolina (Famalicão)

Juvenis A, masc.: 1.º Leonardo Fernandes (Famalicão), Tomás Costa (Famalicão)

Juvenis B: 2.º João Rodrigues (Famalicão)

100m Costas

Juvenis A: 1.º Mafalda Mesquita (Famalicão); 2.º Rita Soares (Famalicão)

Juvenis A, masc.: 1.º Francisco Silva (Famalicão)

Juvenis B: 2.º Tiago Costa (Famalicão)

50m Livres

Juvenis A: Rodrigo Pereira (Famalicão)

100m Estilos

Juvenis A: 1.º Leonardo Fernandes (Famalicão)

Juvenis B: 1.º Tiago Costa (Famalicão)

4x200m Livres, masc.

Juvenis A: 1.º Famalicão

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS