NATAÇÃO

GDN Famalicão domina Regional de Juvenis, com direito a recordes nacionais

O GDN Famalicão dominou a primeira sessão do Campeonato Regional de Juvenis da Associação de Natação Norte de Portugal, que está a decorrer na Piscina Municipal Rota dos Móveis, em Recarei, Paredes.

A equipa famalicense lidera a Estatística de medalhas, com seis títulos conquistados e alcançou ainda dois novos máximos nacionais: Rodrigo Pereira venceu a prova dos 50m Mariposa com o tempo de 26.42 batendo o recorde nacional em Juvenis A. Também a estafeta mista de 4x100m Estilos Mistos em Juvenis A bateu o recorde nacional ao fazer a marca de 4.18.10m.

O quarteto minhoto, formado por Rita Marques, Rodrigo Pereira, Tomás Costa e Mafalda Mesquita, superou o anterior máximo de 4.20,93 que pertencia ao Algés e Dafundo desde 2019.

Os títulos de Campeão Regional foram alcançados por Rodrigo Pereira, nos 50m Mariposa (com recorde nacional de Juvenis A). Francisco Silva, nos 200m Livres, Rodrigo, Rui Santos, nos 400m Estilos, Ana Cruz, nos 100m Briços Juvenis B, e ainda pelas estafetas de 4x100m Estilos Mistos e 4x50m Livres masculinos.

Rodrigo Pereira lidera ainda a Tabela por Pontos masculina, com 557 na prova dos 50m Mariposa.

MARIA JOÃO MARTINS CAMPEÃ REGIONAL

A Associação Desportiva de Fafe termina a primeira sessão com um total de quatro medalhas, sendo uma de ouro e três de bronze.

Maria João Martins sagrou-se Campeã Regional dos 200m Estilos em Juvenis B, tendo feito ainda terceiro lugar nos 100m Livres.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS