VOLEIBOL

SC Braga e Colégio JP II/Dumiense na abertura do ‘Regional’ de Juvenis

SC Braga e Colégio JP II/Dumiense Voleibol encontram-se domingo, a partir das 15 horas, no Pavilhão de Gualtar, naquele que é o jogo grande da jornada inaugural do Campeonato Regional/Inter-Regional de Juvenis femininos da Associação de Voleibol de Braga.

O jogo está a ser encarado com entusiasmo, pois marca o regresso dos Campeonatos Regionais, que não se realizaram a época passada devido à pandemia.

JOSÉ BASTOS (SC BRAGA): “MELHORAR QUALITATIVAMENTE E GARANTIR A PRESENÇA NOS CAMPEONATOS NACIONAIS”

Em Braga, o conjunto treinado por José Bastos mostra-se confiante e com uma grande vontade de competir…

“Estamos a encarar este jogo com muito otimismo. Já passou muito tempo desde o último jogo oficial e a vontade de voltar a competir é muita”, começou por referir o treinador do SC Braga, que garantiu que sobre o facto de defrontarem a outra equipa de Braga referiu que “jogar com o Colégio JP II/Dumiense ou outra equipa qualquer é indiferente. Neste momento só queremos competir. Podia ser qualquer uma das equipas da Associação, neste momento, queremos é jogar e não temos nenhum adversário preferencial para isso”.

Quanto aos objetivos: “a nossa meta passa por melhorarmos qualitativamente e, claro, ficarmos nos dois primeiros lugares de forma a garantir a presença nos Campeonatos Nacionais”.

A atual equipa de Juvenis sagrou-se Campeã Nacional de Cadetes a época passada, isso dá uma maior responsabilidade ao grupo?

“Nós temos uma máxima ‘do passado vivem os museus’ e é sobre essa máxima que trabalhamos. O que passou, passou, e neste momento partimos da estaca 0 juntamente com todas as outras equipas do nosso escalão. O título não nos faz partir em vantagem relativamente aos oponentes e de um ano para o outro muitas equipas se alteram. Partimos do zero”, disse José Bastos.

O treinador do SC Braga considera que a equipa tem trabalho bem, mas ainda está longe do que pretende…

“A preparação tem corrido bem. Temos tentado introduzir novas dinâmicas na equipa e o processo está a desenrolar-se. Houve dinâmicas que entraram melhor, outras nem tanto, mas o objetivo é ir melhorando… pouco a pouco”.

O SC Braga participou no Torneio Convívio, que serviu para José Bastos avaliar a equipa: “Sinceramente, não gostei muito do que vi no torneio, mas foi o primeiro jogo delas em dois meses e meio e havia dinâmicas que se haviam perdido. Nós não temos feito muitos jogos e os jogos trazem dinâmicas, vivências, desafios que nem sempre são fáceis de simular nos treinos, por muito que se tente. Tenho esperança que com o início dos jogos também corresponda a uma evolução progressiva da própria qualidade”.

MÁRIO AZEVEDO (COLÉGIO JPII/DUMIENSE): “A EQUIPA ESTÁ ENTUSIASMADA”

No Colégio João Paulo II/Dumiense Voleibol o entusiasmo com o arranque do campeonato é muito. O clube avança com uma equipa de Juvenis nova, mas ambiciosa e com vontade de aprender.

“É um derby, como vamos ter outros noutros escalões. Essencialmente, é o jogo que dá o arranque do campeonato e a equipa está entusiasma por começar a competir”, disse Mário Azevedo, treinador do Colégio JPII/Dumiense, que salientou que “esta equipa é composta por um grupo de atletas novas, que nem jogavam Voleibol competitivamente e outras foram postas de parte no clube onde estavam”.

“Nós temos como política acolher toda a gente para que possam jogar, evoluir e crescer como atletas e seres humanos. Vamos ter uma equipa de Juvenis muito inexperiente, mas com uma vontade enorme de competir e aprender”.

Mário Azevedo lembra que “esta foi a última equipa que criamos. Na altura estávamos a pensar criar apenas a equipa de Juniores, mas foram aparecendo cada vez mais atletas e então decidimos criar uma equipa de Juvenis para dar um espaço de competição a todas as atletas”.

O Colégio JP II avançou com o projeto do Voleibol em 2017 e de lá para cá tem vindo a apostar cada vez mais na modalidade: “paulatinamente temos vindo a criar mais escalões. Este ano surgiu a equipa Júnior e com ela apareceu também a de Juvenis. Temos tido muita procurar por parte das atletas das escolas de Braga, que vêm para o Colégio para ter uma prática competitiva que se calhar não teriam…”.

Afirmando que “sempre nos esforçamos para que toda a gente tenha o seu espaço na modalidade”, Mário Azevedo confessa que “com a pandemia chegamos a pensar que iria haver um certo afastamento das modalidades, mas a, felizmente, temos cada vez mais procura, não só de atletas internos do Colégio como externos”.

O exemplo da procura começa mesmo dos escalões mais novos… “o ano passado tínhamos uma equipa de Minis A com cerca de nove, dez atletas. Hoje temos quase 30…” disse Mário Azevedo, que salientou que “as atletas encontram aqui boas condições para praticar o seu desporto, quer a nível de estruturas, quer de massa humana”.

O Colégio JPII/Dumiense avança esta ano também com a equipa Sénior, que vai disputar o Campeonato Nacional da III Divisão e aponta à subida…

“Uma das principais ideias ao criar a equipa Sénior foi arranjar uma referência para a Formação. Para que as atletas mais novas possam olhar para cima e ter um exemplo, não só a nível de resultados, mas de valores e percebam que têm aqui um local para jogar Voleibol”.

PROGRAMA DE JOGOS

Sábado

Seniores

15h: AVC Famalicão – AD Esposende

15h: ADC Perre – CJII/Dumiense

Juvenis

15h: Vitória SC – ADC Perre

Infantis

16h: CARTaipense – Valpacinhos

Juniores

16h: SVR Benfica – AVC Famalicão

17h: SC Braga – VC Viana

Domingo

Juvenis

10h: VC Viana – AD Esposende

15h: SC Braga – CJPII/Dumiense

Infantis

10.30h: CPII/Dumiense – Vitória SC

11h: SC Vila Real – Escola Lamaçães

Seniores

17h: Vila Verde AC – CARTaipense

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS