VOLEIBOL

SC Braga vence I Torneio da Legião

O SC Braga foi o grande vencedor do I Torneio da Legião feminino de Voleibol. O conjunto treinado por Óscar Barros bateu, esta tarde, o Gueifães, por 3-2 e conquistou a primeira edição do torneio bracarense.

O SC Braga entrou decidido no jogo e venceu o primeiro set por 25-21. O Gueifães reagiu e conseguiu ganhar o segundo parcial por 17-25.

A resposta não se fez esperar e o SC Braga venceu por 25-23 o terceiro set.

 

JOGO DECIDIDO NA NEGRA

 

 Num jogo muito equilibrado, o Gueifães  conseguiu empatar a partida 2-2 ao fazer 23-25.

Depois de quatro sets muito equilibrados e decididos nos pormenores, o SC Braga conseguiu ser mais forte na negra e ganhou por uns claros 15-6.

Com esta vitória, o SC Braga conquistou o I Torneio da Legião feminino de Voleibol e mostrou-se motivado para o arranque do Campeonato Nacional da II Divisão, em que a meta principal é a subida de escalão.

 

ANA BARROS A MELHOR JOGADORA DO TORNEIO

 

Ana Barros, do SC Braga, foi eleita a melhor jogadora do I Torneio da Legião. Mariana Lopes foi a melhor Distribuidora e Márcia Costa foi a melhor Líbero. Ana Paula Domingues, do Ginásio de Santo Tirso, mereceu também a distinção de melhor Líbero.

AVB HOMENAGEIA CADETES DO SC BRAGA

 

A Associação de Voleibol de Braga aproveitou o torneio para homenagear a equipa de Cadetes do SC Braga, que na época passada venceu o Torneio da AVB e o Campeonato Nacional da categoria.

De referir que a equipa de Cadetes, orientada por José Bastos, venceu todos os jogos que disputou e conseguiu, na Final Four Nacional, conquistar o título nacional.

 

JOSÉ BASTOS O MELHOR TREINADOR DA FORMAÇÃO

 

José Bastos também esteve entre os homenageados de hoje. O treinador, então, das Cadetes do SC Braga recebeu a distinção de melhor treinador da Formação da época 2020/21.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS