CICLISMO

José Simões (Averomar): “com a Camisola de Campeão do Minho em jogo… tentarei a minha sorte”

“Com a Camisola de Campeão do Minho em jogo, e apesar de estarem presentes atletas de muita qualidade, tentarei a minha sorte”, foi assim que José Simões, ciclista de Famalicão que alinha no Lobos Averomar BTT, começou por abordar o 5.º BTT XCM Vila de Melgaço, que se realiza domingo a partir das 9.30 horas.

Melgaço é palco da Maratona de BTT Vila de Melgaço, prova que vai atribuir os títulos do Campeonato do Minho BTT XCM – Discover Melgaço, e pontuável ainda para a Taça de Portugal de XCM.

José Simões, que já assegurou a Camisola de Campeão do Minho de XCO em Sub-23, refere que “era muito positivo de conseguisse juntar a Camisola de XCM à de XCO… quem sabe um dia isso seja possível”.

Quanto à prova de Melgaço, José Simões salientou que “é sempre complicado fazer a antevisão de uma Maratona… Já vi que terá muita subida e as condições meteorológicas não devem ajudar”, depois “sendo uma prova da Taça de Portugal, a grelha de partida está bem composta e o ritmo deverá ser muito elevado do início ao fim”.

“ESTOU PREPARADO FISICAMENTE E MOTIVADO”

O ciclista famalicense ainda não conhece o percurso… “é a primeira vez que vou fazer esta Maratona e não fiz qualquer reconhecimento”, mas salientou que “estou bem preparado fisicamente e motivado para dar o melhor no domingo”.

José Simões vai aproveitar a Maratona de Melgaço para “preparar uma série de várias Maratonas que irei fazer durante este mês”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS