BASQUETEBOL

Sofia Noivo assume equipas femininas do FamaBasket

Sofia Noivo vai assumir as equipas de Sub-16 e Sub-14 femininas do FamaBasket, clube de Famalicão que se dedica exclusivamente ao Basquetebol e vai para a sua terceira época de competição.

Sofia Noivo, que esteve ao serviço do SC Braga durante oito anos, encara o desafio com motivação e muita vontade…

“Estou a encarar este desafio com bastante entusiasmo e muito motivação por trabalhar novamente com escalões de formação”, começou por afirmar Sofia Noivo, que dá início aos trabalhos já no próximo dia um de setembro.

O que a levou a aceitar este desafio? “A oportunidade de regressar aos campos e saber que a minha experiência irá contribuir para o crescimento deste jovem projeto”, disse Sofia Noivo, que sobre o FamaBasket salientou que “é um clube recente, cheio de vontade de crescer e inovar. Identifico-me com a estratégia desportiva do projeto, têm uma boa organização e estão motivados para dinamizar e fazer crescer o basquetebol em Famalicão”.

“AUMENTAR O GRUPO DE ATLETAS PARA CRIAR UMA BOA BASE DE TRABALHO”

Quanto aos objetivos, Sofia Noivo é clara: “o primeiro objetivo é aumentar o grupo de atletas para criar uma boa base de trabalho, com perspetivas futuras. Estou preparada para trabalhar com as equipas no máximo das nossas competências e condições, certa de que iremos gerar boas rotinas e grupos de trabalho motivados” e acrescentou: “para além de ajudar a fomentar a formação, o meu segundo objetivo passa por trabalhar com jovens treinadores e ajudá-los a crescer na modalidade”.

Assume duas equipas – Sub-16 e Sub-14 – a ideia é também criar uma ligação entre ambas? “Sim, há uma sinergia muito forte entre os grupos das Sub-14 e das Sub-16. As equipas irão partilhar atletas até porque é o primeiro ano que temos Sub-16 Femininas. O objetivo será criar boas bases de trabalho para cimentar o projeto do feminino no clube”.

Sofia Noivo vai trabalhar nas duas equipas com Eduarda Dinis.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS