VOLEIBOL

José Bastos (SC Braga): “vamos lutar pelo título sim…”

“Vamos lutar pelo título de Campeão Nacional, não como uma obrigação, mas como um objetivo, um desafio…”, disse José Bastos, treinador do SC Braga, que este fim de semana disputa a Final Four do Campeonato Nacional de Cadetes femininos de Voleibol.

O SC Braga chega a esta fase final, que se disputa em Torres Vedras, sem conhecer o sabor da derrota e nas duas fases anteriores (Regional e Zonal) cedeu apenas três set’s, partindo, por isso, motivado para uma fase em que se decide o título nacional…

“Este grupo está a encarar a Final Four como um desafio. É a fase final da competição e, consequentemente, a mais difícil. Este grupo gosta de desafios e vai tentar superar mais um. Independentemente do resultado, elas já são umas vencedoras, mas como elas gostam de dizer… vamos à luta!”.

José Bastos referiu ainda que “importante é que saímos de Braga com toda a comitiva negativa. Era importante no teste anterior ao jogo toda a gente estar negativa e termos a oportunidade de participar. Neste momento isso é o mais importante… Depois faremos o nosso melhor…”.

SINTRA VÓLEI NO CAMINHO DO SC BRAGA

No primeiro jogo, marcado para as 15 horas de sábado, o SC Braga encontra o Sintra Volei e José Bastos lembra que “nós jogamos com o Sintra Vólei há dois anos, num torneio amigável e na altura venceram-nos 3-0. Era uma equipa muito forte e não nos deu hipótese sequer. Contudo, muitas das equipas que defrontamos e que vencemos nesta caminhada foram equipas que nos ganharam 3-0 no ano de Infantis… o que mostra o trabalho que tem sido desenvolvido por estas meninas”.

“Já observamos a equipa do Sintra e definimos alguns pontos fortes e menos fortes do nosso adversário. Vamos tentar aproveitar isso para melhorar a nossa probabilidade de sairmos vencedores do desafio”.

Como correu a semana de trabalhos? Sentiu a equipa mais ansiosa? “Não. As meninas estão muito tranquilas, focadas e confiantes. Elas têm um grupo forte e encaram esta fase final como um desafio que querem vencer. Ficam mais ansiosas e nervosas para fazer o teste covid do que para disputar a fase final”.

“GOSTAMOS DAS FINAIS E ESTA É PARA VENCER”

As finais são para vencer? “São! Gostamos muito de estar nas finais e esta é para vencer!”, disse o treinador do SC Braga, que referiu que “o nosso grande objetivo era estar presente na Final Four. Agora que aqui estamos vamos lutar pelo título sem pressão e com muita confiança. Vamos com tudo”.

De referir que no outro jogo vão defrontar-se Madeira Torres e Arcozelo. Do domingo o jogo de terceiro e quarto classificado realiza-se às 15 horas, e a grande final às 18 horas.

Comentários

Artigos relacionados

Ver também
Fechar
Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS