CICLISMO

David Martins conquista 3.º DHI Capital do Móvel

David Martins foi o grande vencedor do 3.º DHI Capital do Móvel, segunda prova do Campeonato do Minho de BTT DHI – CISION, que se realizou no domingo no Monte Pilar, Penamaior, em Paços de Ferreira.

O ciclista de Guimarães, que alinha como individual, impôs-se na manga de classificação, realizando o tempo de 1:50.062m, retirando mais de dois segundos ao tempo realizado na manga de qualificação (em que tinha feito quarto lugar).

Na segunda posição ficou o barcelense Hugo Alves, que fez as duas descidas dentro do tempo de 1:51m.

Em destaque esteve ainda Filipe Silva (Bike House DH Team/Guimarães), o Campeão do Minho em título, que regressou este domingo à competição depois de debelar uma grave lesão, e fez terceiro lugar. O ciclista de Guimarães desceu o Monte Pilar em 1:51:407m.

De salientar ainda o quarto lugar de Pedro Fernandes, ele que foi o vencedor do DHI Penha.

Na prova feminina, Ana Leite (AXPO/FirstBike Team/Vila do Conde) dominou a prova, vencendo as duas mangas. Ana Leite deixou Vivianne Sawczuk (BTT Pandilhas a Monte) a mais de oito segundos.

DAVID MARTINS: “FOI UMA PROVA QUE CORREU MUITO BEM”

David Martins mostrou-se bastante satisfeito com forma como decorreu o 3.º DHI Capital do Móvel e considerou que “foi uma prova que correu muito bem. Pensei que não iria vencer porque cometi um erro na descida final, que me custou algum tempo, mas no fundo acabou por correr bem”.

O ciclista de Guimarães salientou que não foi uma vitória fácil “nunca é… Competi com atletas que também treinam muito e bem, são atletas muito bons”.

“FIM DE SEMANA MUITO DIVERTIDO”

Afirmando que “foi um fim de semana muito divertido”, David Martins considera que “a organização está de parabéns, montou aqui uma excelente corrida. Diverti-me muito com os meus amigos, que é o mais importante, estamos numa boa onda e foi muito bom”.

David Martins confessou que “hoje comecei o dia um bocadinho nervoso, não sei bem porque”, o que o levou a fazer uma primeira descida mais lenta “acho que o nervosismo afetou-me na primeira manga, mas conforme o dia foi passando, o nervosismo também e consegui, ainda que não fosse uma final perfeita porque cometi grave, fazer um bom tempo. Foi bom saber que estou com boa velocidade e pronto para as próximas competições”.

O Downhill está no bom caminho? “Penso que sim, está cada vez melhor. Esperemos também estar a dar o nosso contributo nesse sentido e é bom que ver que as corridas se vão realizando e estão cada vez melhores. A Associação de Ciclismo do Minho tem feito um excelente trabalho e estamos muito satisfeitos com a forma como as coisas estão a correr”.

“CONQUISTAR PONTOS PARA IR AO MUNDIAL”

Quanto ao futuro, David Martins mostra-se ambicioso e quer conquistar os pontos necessários para poder estar presente no Campeonato do Mundo… e ter sucesso nos estudos.

“A curto prazo os meus objetivos passam por conquistar os pontos necessários nos Campeonatos Nacionais para poder competir nos mundiais. Não vai ser fácil, o circuito nacional também está muito competitivo, mas é o meu objetivo. Outra meta é ter sucesso na faculdade”.

Para já o ciclista de Guimarães tem conseguido conciliar as duas paixões e garante que “o ano está a correr bem quer nos estudos, quer nas competições. Um bocado nervoso, poucas horas de sono, mas sempre a andar”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS