CICLISMO

João Cruz (AXPO) na luta pela Camisola de Campeão Nacional

João Cruz, ciclista de Viana do Castelo que alinha na AXPO/Firstbike Team/Vila do Conde, é o grande favorito à conquista do título de Campeão Nacional de BTT XCO na categoria de Juniores, nos Campeonatos Nacionais que decorrem este fim de semana no Fundão.

O ciclista vianense, Campeão Nacional de Juniores em 2020 e Cadetes em 2019, parte confiante para os Campeonatos Nacionais e assegura que a luta pelo título é o seu objetivo…

“O objetivo para qualquer atleta é o de alcançar o título e o meu não é diferente! É com essa ideia que parto para esta competição”, começou por afirmar João Cruz.

Sobre a pista do Fundão, o ciclista vianense referiu que “a pista do fundão é uma pista exigente tanto a nível físico como a nível técnico. É uma pista digna de um Campeonato Nacional”.

João Cruz tem tido este ano um arranque de época bastante preenchido. Entre competições da Taça de Portugal e Campeonato do Minho, João Cruz já marcou presença em várias corridas internacionais, entre elas a participação nas provas de Juniores inseridas da Taça do Mundo de Seleções…

O ciclista da AXPO salienta que “todas as provas feitas anteriormente foram um bom complemento ao treino feito diariamente” e adiantou que “outro dos objetivos dessas corridas é ganhar experiência e pontos importantes para o que ainda falta desta época”.

QUATRO MINHOTOS EM PROVA

A prova de Juniores do Campeonato Nacional de BTT XCO conta com a presença de quatro ciclistas minhotos. Para além de João Cruz, o grande favorito à vitória, vão estar em pista Hélder Laranjeira, do MonçãoBike/ LusoPrint/ Bombos S. Sebastião, Diogo Carreiras, da Seissa|KTM-Bikeseven|Matias&Araújo|Frulact, e Ivo Pereira, da SAERTEX Portugal – Edaetech.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS