BASQUETEBOL

Cinco minhotos na Seleção Nacional de Sub-15

João Almeida, do SC Braga, Miguel Leite, do BC Barcelos, Yago Carrera, do Famalicense, Martim Costa, do Monção BC, e Vasco Rodrigues, do BC Limiense, foram chamados pelo selecionador nacional Rui Pedro Nazário para integrarem o estágio de observação da Seleção Nacional de Sub-15 masculinos, que vai decorrer entre os dias 10 e 13 de junho em Oliveira do Bairro.

O estágio de observação da Seleção de Sub-15 tem como grande objetivo a formação da equipa nacional de Sub-16 de 2022.

De referir que do quinteto agora chamado aos trabalhos da Seleção Nacional, Yago Carrera é o que mais vezes tem sido convocado aos trabalhos das Seleções Nacionais, pois, apesar dos seus 14 anos, participou já nos dois estágios da Seleção de Sub-16.

João Almeida, do SC Braga, e Miguel Leite, do BC Barcelos, faziam parte da Seleção Distrital de Sub-14 que em 2020 preparava a participação na Festa do Basquetebol em Albufeira.

RICARDO SANTOS: “O SEU VALOR MERECE SER RECONHECIDO”

João Almeida, que está no Basquetebol desde 2014, está integrado na equipa de Sub-16 do SC Braga e Ricardo Santos, treinador da equipa, assegura que é uma chamada merecida…

“O João tem muitas capacidades. Infelizmente o ano passado não teve hipótese de ir ao Algarve com a Seleção da Associação de Basquetebol de Braga, o que poderia ter impedido a sua chamada nesta altura. Felizmente tal não aconteceu”, disse Ricardo Santos, que salientou que “foi com muita alegria que recebemos uma notícia que temos um jogador a ser chamado para um estágio, principalmente, numa seleção nacional. O João Almeida já tem estado em várias seleções distritais e o seu valor merece ser reconhecido pelo trabalho que desenvolveu ao longo dos anos”.

Num tempo tão complicado como aquele que temos vivido, que significado e importância tem a chamada de um atleta à Seleção Nacional?

“Mesmo fora do tempo complicado é sempre muito importante ter um atleta a ser chamado a uma seleção. O atleta tem a oportunidade de treinar com atletas mais fortes, é exposto a outros treinadores, outros métodos que servem em tudo para ele crescer mais na modalidade. E embora seja um dos objetivos de muitos dos jogadores, é claro que não se pode ficar por aqui e é preciso ambicionar por mais”.

Ricardo Santos considera que a chamada de João Almeida é positiva para a equipa e vai servir de incentivo para todos os jogadores. “Tenho a certeza que serve de incentivo a muitos dos seus colegas, eles conseguem perceber que não é impossível ser chamado para uma seleção, e, ao mesmo tempo, compreendem que é difícil, é preciso treinar muito, trabalhar mais do que apenas durante os treinos”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS