CICLISMO

Pedro Miguel Lopes (Kelly) na Taça das Nações

Pedro Miguel Lopes, ciclista de Guimarães que alinha na Kelly/Simoldes/UDO, foi convocado para representar a Seleção Nacional de Sub-23 de Ciclismo na Corrida da Paz, prova da Taça das Nações, que se disputa entre os dias três e seis de junho, na República Checa.

José Miguel Lopes, que ainda na segunda-feira conquistou o GP Açores, volta à Seleção Nacional depois de na época passada ter participado no Campeonato da Europa de Estrada.

Para além do ciclista vimaranense foram ainda convocados Fábio Costa, ciclista que fez a sua Formação no CC Barcelos, e Fábio Fernandes, vencedor da Taça do Minho em Juniores em 2019, ambos a representar a EFAPEL. Afonso Silva (Rádio Popular-Boavista), Diogo Barbosa (Hagens Berman Axeon) e Miguel Salgueiro (LA Alumínios-LA Sport) completam a Seleção.

De referir que a corrida é composta por um prólogo e três etapas. O arranque está marcado para três de junho, com um prólogo individual de 3,4 quilómetros, em Jeseník. A primeira etapa parte de Jeseník e termina em Rýmařov, depois de percorridos 131,4 quilómetros, através de um trajeto rompe-pernas.

A segunda etapa, 136,3 quilómetros entre Bruntál e Dlouhé Stráně, assinala o início das grandes dificuldades montanhosas. Duas dificuldades orográficas nos derradeiros 20 quilómetros, a última coincidente com a meta, prometem marcar diferenças substanciais, privilegiando os trepadores.

A etapa final será a mais longa da competição, 168,1 quilómetros, com início e final em Jeseník. O percurso, muito ondulado, é propício a corredores atacantes.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS