VOLEIBOL

Leonor Coelho (SC Braga) e Beatriz Silva (VC Viana) na Seleção Nacional de Sub-18

  Leonor Coelho, atleta de Amares que joga no SC Braga, E Beatriz Silva, do VC Viana, foram convocadas para integrar os trabalhos da Seleção Nacional de Sub-18 feminina de Voleibol, que vai participar no Torneio WEVZA, que se realiza entre os dias 21 e 25 de julho, em Valladolid, Espanha.

A atleta amarense, de apenas 14 anos, deu nas vistas ao serviço da Seleção Nacional de Sub-16, que já este ano participou em duas rondas de qualificação para o Europeu. Portugal não conseguiu o apuramento, mas Leonor Coelho brilhou nas duas fases e foi mesmo a melhor pontuadora, a melhor servidora e a atleta que recebeu mais vezes de todas as Poules da segunda Fase de Apuramento para o Campeonato da Europa.

Por esta razão Rui Pedro Silva voltou a chamar a atleta do SC Braga, agora para os treinos de preparação da Seleção Nacional de Sub-18. Os treinos arrancam segunda-feira e vão decorrer na Escola Secundária Rodrigues de Freitas, no Porto.

Beatriz Silva, do VC Viana, é também uma atleta habitual nos trabalhos das Seleções mais jovens. Marcou presença nas Seleção de Sub-16 e Sub-17, que no início de 2020 participou no Torneio WEZVA que se realizou em Viana do Castelo. Beatriz Silva integra agora a Seleção de Sub-18.

 

CONVOCADAS

 

Atletas convocadas são:

AA S. Mamede: Valéria Afanas.

AJM/FC Porto: Ema Torres; Mariana Marques; Margarida Santos e Maria Peres.

Boavista FC: Rita Benídio.

Castêlo da Maia GC: Inês Campos e Luna Nunes.

CN Ginástica: Mariana Cova.

Leixões SC: Carolina Costa; Beatriz Cerveira e Inês Costa.

Lobatos Volley: Diana Pereira.

Madeira Torres: Joana Carvalho; Joana Milho Conceição; Marta Aleixo e Raquel Teixeira.

Porto Vólei: Catarina Silva Carneiro e Ana Monteiro.

SC Braga: Maria Leonor Coelho.

Sintra Vólei: Matilde Ferreira.

Volley4All: Maria Cruz.

VC Viana: Beatriz Silva.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS