CICLISMO

Pedro Miguel Lopes confiante para a Volta ao Algarve

Pedro Miguel Lopes, ciclista de Guimarães que alinha na Kelly/Simoldes/UDO, é um dos nomes a ter em conta na 47.ª Volta ao Algarve, que arrancou esta quarta-feira e ligou Lagos e Portimão.

Pedro Miguel Lopes não é um ‘novato’ na prova algarvia: “já vou para a terceira Volta ao Algarve”, por isso, sabe bem o que o espera e garante que “sinto-me preparado para esta corrida”.

“É UMA CORRIDA MUITO EXIGENTE”

“É uma corrida muito exigente e difícil, mas tento sempre dar o meu melhor e é isso que vou fazer”, referiu o jovem ciclista de Guimarães, que adiantou que “é uma corrida muito exigente, pois conta com alguns dos melhores atletas do mundo”.

Questionado sobre se correr ao lado de grandes nomes o motiva, Pedro Miguel Lopes referiu que “é bastante motivador correr com estes atletas”.

Pedro Miguel Lopes terminou a primeira etapa, que se realizou esta quarta-feira, no 88.º lugar a escassos 39s do vencedor, o irlandês Sam Bennett (Deceuninck-Quick-Step).

“VOU DAR O MEU MELHOR”

O ciclista vimaranense considera que “foi uma etapa que correu bem. Fiquei preso numa das quedas para o final. Mas foi uma etapa feita a grande velocidade”.

Esta quinta-feira a etapa liga Sagres, no concelho de Vila do Bispo, e o alto da Fóia, em Monchique, numa extensão de 182,8 quilómetros. Pedro Miguel Lopes salienta que “não direi que é uma etapa, exatamente, ao meu jeito”, mas garante que “vou dar o meu melhor”.

Fotos: Kelly/Simoldes/UDO

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS