VOLEIBOL

AD Esposende abdica da participação na Poule de Subida à II Divisão

A Associação Desportiva de Esposende não vai participar na Poule de Subida ao Campeonato Nacional da II Divisão de Voleibol masculino. O clube de Esposende faz parte das elegíveis para participar na prova, mas decidiu não o fazer, por considerar que não tinha as condições ideais para preparar os jogos.

“Decidimos não participar na fase de apuramento da subida de divisão” começou por referir Rui Pedro Ribeiro, responsável pela secção de Voleibol da ADE, que explicou que “sentimos que não teríamos as condições perfeitas para preparar os jogos. São muitas limitações, por isso optamos por fazer um regresso sem pressas, sem riscos, que nos permita preparar a equipa para uma boa temporada em 2020-2021”.

 

“GOSTARÍAMOS DE VOLTAR JÁ… MAS”

 

De resto, a ADE ainda não sabe quando poderá voltar aos treinos de preparação: “gostaríamos de voltar já! Mas a realidade é que não se tratam de treinos de voleibol, seriam treinos de condição física. O cumprimento das regras de distanciamento são um forte impedimento para a realização de um treino ‘entusiasmante’”, disse aquele responsável,que adiantou que “a evolução da pandemia também não nos deixa confortáveis… e os treinos da formação estão também suspensos, porque o treinador não tem condições de assegurar o distanciamento entre atletas imposto para a prática desportiva ‘indoor’”.

“Os atletas, estão com ‘fome de bola’… gostaríamos imenso de lhes proporcionar um final de época diferente!”, mas para já nada está definido, aguardando-se pela divulgação das novas regras emitidas pela DGS.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS