CANOAGEM

Darque KC “os nossos atletas vão entrar motivados e dar o seu melhor”

A Darque Kayak Clube participa este domingo no Campeonato Nacional de Maratonas, que se realiza no CAR de Montemor-o-Velho, com oito atletas e a firme disposição de dar o seu melhor.

A Darque KC apresenta-se com os Juniores Adriana Passos, Valéria Araújo, Rafaela Araújo, Cristóvão Lavarinhas, Gabriel Almeida e Luís Soares; e os Seniores Mário Vieira e Pedro Meira Marques.

Américo Castro, presidente da Darque KC, começou por afirmar que: “os nossos atletas vão entrar motivados e dar o seu melhor” e adiantou que “da pandemia resulta que o Ranking nacional de 2020 seja o mesmo de 2019, ou seja estas provas não contam para o ranking nacional. Por outro lado, a verdade desportiva vai ser relativa. Os atletas da DKC estiveram, efetivamente, parados em termos de treino de água no estado de emergência. O mesmo não aconteceu com outros atletas que vão competir, ou por que são de alto rendimento e tinham autorização para continuar a treinar, ou porque simplesmente não respeitaram as regras de confinamento e foram muitos”. Por isso “equacionar objetivos que não sejam rodar os atletas para que estes continuem motivados, não seria possível”.

DARQUE KC COM EQUIPA REDUZIDA

Por outro lado, “há famílias e atletas da DKC que têm receio de transmissão de COV 19 em competição, embora treinem, o que faz com que apenas metade da nossa equipa esteja presente em prova. São atletas bons e que poderiam fazer a diferença. A acrescentar a isto o Centro de Canoagem de Viana do Castelo, sede da DKC apenas permite o acesso às embarcações, por determinação do Município, o que não acontece com outros clubes a nível nacional, ou com clubes que utilizam equipamentos ilegais.  Ou seja, não foi possível fazer trabalho de ginásio no clube, assim como não é possível o banho nos balneários”, disse Américo Castro.

Com estas condições “a participação da DKC está condicionada e a nossa ideia é mais de ajudar os atletas e famílias a desconfinar. Ajudar os atletas a manterem a forma, ritmo de prova e motivação e a dar o seu melhor numa competição desigual, mas a que os nossos atletas certamente darão luta. Esperemos que tudo corra bem. Os atletas da DKC vão preparados para o respeito e a segurança possível face à pandemia, com os atletas distribuídos por várias viaturas. Temos vários atletas que se vão estrear na maratona, apesar de esta ser uma especialidade em franco declínio a nível nacional e internacional, embora este ano tenha mais atletas que o habitual, mas isso deve-se ao facto dos seniores e juniores de águas lisas esta época terem apenas duas provas: Maratona e velocidade”.

Foto: Hugo Silva

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS