ATLETISMO

Rúben Veloso com balanço positivo no arranque da época

Rúben Veloso faz um balanço positivo do arranque da época de Trail. O atleta dos Arcos de Valdevez, agora ao serviço da EDV – Viana Trail, realizou três provas e estava preparado para ajudar a sua equipa na nova temporada.

“Este ano só tive tempo de realizar três provas, em Portalegre, os Abutres e o Fafe Trail Run. Apesar de ter sofrido uma lesão e não poder estar na minha melhor forma, fiquei satisfeito com os resultados que obtive. Aliás estou contente com o trabalho que tenho feito e com a forma como tenho evoluído na modalidade”.

OBJETIVOS SUSPENSOS E TREINOS REDUZIDOS

Rúben Veloso lamenta que “devido a esta pandemia não possa lutar pelos objetivos que tracei para este ano”, até porque “não sabemos quando e em que condições poderemos regressar às competições”.

Para já Rúben Veloso decidiu reduzir a carga de treinos: “como está tudo parado e ainda não há luz verde para as provas, reduzi a carga do treino. Tenho feito os trabalhos em casa, sobretudo na bicicleta e reforço muscular”.

DESEJO DE COMPETIR

O atleta dos Arcos de Valdevez espera ainda competir esta temporada: “espero que ainda possa competir este ano. No entanto, nem sequer podemos fazer previsões, tudo depende da forma como vai evoluir esta pandemia”, por isso, “não podemos sequer traçar as metas para o futuro”.

“SATISFEITO POR ESTAR NA EQUIPA”

Rúben Veloso estreou-se há poucos meses ao serviço da EDV – Viana Trail, clube a que se vinculou em novembro, e garante que a adaptação tem sido muito boa.

“Estava a adaptar-me muito bem à EDV-Viana Trail. É uma grande equipa nacional, com grandes amigos e tenho aprendido também bastante com eles. Estou satisfeito por estar na equipa e espero ainda dar muitas alegrias à equipa”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS