CICLISMO

Rui Rêgo ambicioso para o BTT XCO de Lousada

“Depois de um bom arranque na primeira ronda da Taça de Portugal, que se disputou em Melgaço, as expetativas estão elevadas e espero estar na luta por um resultado ainda melhor em Lousada”, foi assim que Rui Rêgo, do MonçãoBike/ LusoPrint/ Bombos S. Sebastião, abordou a sua participação no Internacional de BTT XCO de Lousada, prova que se realiza domingo e é pontuável para a Taça de Portugal.

O ciclista de Monção, que se estreia este ano na categoria de Sub-23 na equipa do Bombos S. Sebastião, fez oitavo lugar na prova de Melgaço – a primeira da época – e parte para Lousada com a expetativa de melhorar a classificação…

“Nunca competi em Lousada, mas pelo que estive a ver parece um percurso de menor exigência técnica e com subidas muito explosivas”, disse Rui Rêgo, que adiantou: “à primeira vista parece um traçado mais ao meu estilo, mas só domingo saberei”.

“TREINOS TÊM CORRIDO BEM”

Quanto à preparação, o ciclista do clube do Alto Minho salientou que “os treinos têm corrido bem, conforme o planeado. Sinto-me bem e, portanto, espero corresponder às expetativas”.

Rui Rêgo chegou este ano ao Bombos S. Sebastião e garante que “a adaptação à equipa está a correr muito bem. Temos um excelente ambiente e espírito de equipa, o que ajudou a sentir-me em casa rapidamente”.

Afirmando estar “confiante e ansioso”, Rui Rêgo explicou que “a competição é isso mesmo, uma mistura de sentimentos que nos querer ir sempre mais além”.

MINHOTOS EM PESO EM LOUSADA

São muitos os ciclistas e os clubes minhotos que partem com ambições para BTT XCO de Lousada.

MonçãoBike/ LusoPrint/ Bombos S. Sebastião, BTT Braguinhas/ Padim da Graça, Tomatubikers / Toyota – Macedo & Macedo, SAERTEX Portugal / Edaetech, C.C.Barcelos/A.F.F./Flynx/H.M. Motor, Seissa|KTM-Bikeseven|Matias&Araújo|Frulact, Casa Myzé Team,  AXPO / FirstBike Team / Vila do Conde, que tem no seu grupo vários ciclistas minhotos, e ainda Averomar BTT, equipa da Póvoa de Varzim que conta com Miguel Simões.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS