BASQUETEBOL

André Ribeiro e Tae Crawford reforçam BC Barcelos

André Ribeiro e o americano Tae Crawford são as mais recentes aquisições do BC Barcelos para atacar a fase final do Campeonato Nacional da I Divisão masculina de Basquetebol.

André Ribeiro é um regresso a casa. O barcelense fez a sua Formação no clube, tendo deixado de jogar quando ingressou na faculdade de medicina. Regressa agora para ajudar o clube a tentar conquistar os seus objetivos.

“Depois de ter feito a sua Formação no clube, o André suspendeu o Basquetebol por alguns anos quando ingressou na faculdade de medicina. Ele já está a treinar connosco desde janeiro, mas não havia um compromisso porque ainda estava a terminar a estágio. Agora vai reforçar a equipa e vai-nos ajudar nesta luta”, disse António Faria, presidente do BC Barcelos, que salientou que “é um atleta da casa e é sempre de louvar o seu regresso”.

Já o americano Tae Crawford vem para reforçar algumas lacunas que a equipa tinha e vai substituir Justin Iton, “ele vem para colmatar algumas lacunas que tínhamos na equipa. Temos algumas posições que precisavam de ser reforçadas e contamos com o Tae para isso. Vamos ver como corre”.

O BC Barcelos mantém ainda a trabalhar com a equipa Sénior os Sub-18 que, entretanto, subiram de escalão “para se adaptarem ao ritmo do trabalho e se integrarem na equipa”.

O BC Barcelos retoma domingo, frente ao SC Braga, o campeonato e António Faria refere que “este é o primeiro de muitos jogos exigentes que vamos ter. Vai ser um mês exaustivo”.

O BC Barcelos já está a trabalhar no pavilhão há uma semana… “treinamos quatro vezes por semana, mas a verdade é que o tempo entre o regresso aos treinos e o regresso da competição é manifestamente pouco. Temos de ter muito cuidado na gestão dos treinos para evitar lesões”.

Afirmando que “partimos todos em pé de igualdade nesta questão”, António Faria referiu que “agora é esperar que o vírus não ataque, que não apareçam surtos, nem necessidade de isolamentos para o calendário se possa cumprir normalmente”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS