CANOAGEM

Viana GC à procura dos melhores resultados

O Viana Garças Clube leva uma comitiva de 10 atletas à Taça de Portugal de Velocidade, que se realiza no fim de semana no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho.

A Taça de Portugal de Regatas em Linha, que tem acoplada a seletiva para ingresso nas equipas nacionais de Velocidade para os escalões de Seniores, Sub-23, Juniores, Cadetes e Paracanoagem, conta com a presença de 44 clubes e um total de 233 regatas, destacando aqui a presença dos atletas dos Projetos Olímpico e Paralímpico Tóquio.

SÉRGIO MACIEL ASPIRA À SELEÇÃO NACIONAL

O Viana GC marca presença com 10 atletas, alguns dos quais com os olhos postos numa possível integração na Seleção Nacional.

“Vamos com 10 atletas e muita vontade de dar o nosso melhor”, começou por referir Rodolfo Coelho, responsável pelo clube de Viana do Castelo, que salientou que “o Sérgio Maciel da canoa monolugar, cuja especialidade não é a de Pista, vai, contudo, tentar a integração na Seleção Nacional na distância de 1000 m”.

TIAGO MACIEL ESTREIA-SE EM CADETES

Também Tiago Maciel “o nosso melhor Cadete em K1 e apesar do seu primeiro ano neste escalão, vai tentar aceder a uma final, numa prova fortíssima, onde os 109 atletas inscritos em 500 m, bem o demonstra. Caso o consiga o seu sonho de vir a integrar futuramente a nossa seleção, segue no bom caminho”, disse aquele dirigente.

De resto: “todos os nossos atletas, com diferentes posicionamentos no ranking nacional, vão disputar um apuramento por tempos, dos 27 melhores resultados de cada prova, que lhes dará acesso às semifinais”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS