VOLEIBOL

SC Braga confiante para fim de semana decisivo

“É o mata-mata”, foi assim que Carlos Dias, treinador da equipa Sénior feminina, começou por abordar os jogos decisivos do fim de semana do Campeonato Nacional da I Divisão de Voleibol.

O SC Braga, que se desloca ao recinto do Belenenses e recebe o Vilacondense, tem de vencer os dois jogos e esperar pelos resultados dos adversários para saber se continua no escalão maior do Voleibol feminino…

“Nós encaramos este fim de semana positivamente. Sabemos que a conjuntura não nos é muito favorável. Para além de termos de ganhar os dois jogos, estamos dependentes dos resultados dos adversários”, disse Carlos Dias, que salientou que “está difícil, mas nada está decidido e enquanto houver incerteza nós vamos acreditar”.

Carlos Dias assumiu a equipa Sénior há pouco mais de sete semanas – no arranque desta fase final – e considera que “desde que pegamos na equipa que todos os jogos são encarados da mesma forma. Sabemos que este é o fim de semana do tudo ou nada, mas trabalhamos e estamos a encarar os jogos sem a pressão de olhar para a classificação”.

“DAR O NOSSO MELHOR”

“A equipa trabalhou, mais uma vez, com muita vontade de treinar, com afinco e a determinação de fazer cada vez melhor. De resto, não podemos fazer mais nada se não dar o nosso melhor. Temos de fazer a nossa parte, ganhar os nossos jogos e depois esperar”, referiu.

Carlos Dias lembrou que “na primeira volta desta fase nós estivemos muito limitados. Só tínhamos uma passadora, que se lesionou, e tivemos que adaptar uma atleta. A partir do momento em que tivemos todas as opções, começamos a ter outro tipo de resultados. A verdade é que perdemos muitos jogos na primeira volta e a margem nesta segunda volta era muito pequena”.

Para estes dois últimos jogos: “a nossa margem é nula, portanto, só temos de encarar os jogos com determinação e esperar que se reúnam as condições necessárias para a nossa equipa de manter”.

Afirmando que “mais importante do que ganhar, é estar preparado para isso”, Carlos Dias garantiu que “a equipa tem capacidades para discutir os resultados e os jogos. Sabemos que partimos em desvantagem para a reta final do campeonato, mas podem contar connosco para a luta”.

O SC Braga, que seguiu hoje viagem rumo a Lisboa, conta com algumas jogadoras tocadas, mas Carlos Dias referiu que “contamos com todas elas para este jogo com o Belenenses”.

Comentários

Artigos relacionados

Ver também
Fechar
Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS