CICLISMO

João Matias confiante para a nova época

“Estou muito motivado para fazer uma boa época, lutar pelos meus objetivos e mostrar as cores da equipa Louletano – Loulé Concelho” foi assim que João Matias, ciclista de Barcelos que se mantém na Louletano – Loulé Concelho, começou por abordar a nova temporada.

João Matias já se encontra a preparar a nova época há algum tempo – até porque a abertura da época (Volta ao Algarve) estava marcada para este mês – e garante que os treinos estão a correr bem “tirando a chuva, que atrapalha um bocado, mas tenho conseguido cumprir o meu trabalho. Estou a trabalhar com um treinador novo e estou muito motivado e com vontade de correr”.

João Matias trabalha, maioritariamente, sozinho e sempre no Minho devido às restrições impostas… “Faço mais treinos sozinho, mas também faço alguns treinos com colegas na mesma posição que eu (profissionais ou atletas de alto rendimento). Tenho treinado, sobretudo, nas estradas perto de casa na nossa linda região do Minho!” e adiantou: “a chuva e o frio dos últimos dias dificultam um pouco o trabalho, mas não me fazem deitar a toalha ao chão”.

O ciclista de Barcelos também não se deixa intimidar pela incerteza quanto à realização das provas – ainda recentemente foi adiada a Volta ao Algarve –

“Eu sigo o meu trabalho, com muito motivação. Acredito também que a Federação Portuguesa de Ciclismo, os organizadores e os municípios querem o retorno das competições desportivas e no que toca aos ciclistas estão a cumprir o que lhes compete com rigor nos treinos. As competições que houve no ano de 2020 demonstrou que as equipas cumprem as regras e querem é correr. Penso que a APCP também tem lutado pelos interesses dos ciclistas e nota-se uma força aliada de todos! Adversários só na estrada!”.

Quanto ao Campeonato Nacional de Ciclocrosse, garantido para dia 21 de fevereiro na Anadia, o ciclista de Barcelos referiu que “não sei ainda! Já pensei em correr, mas neste momento não sei, nem falei com a equipa nem com o treinador”.

Seja qual for a decisão, João Matias assegura que “sinto-me confiante para a nova época e acredito no trabalho que estou a desenvolver”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS