CICLISMO

Diogo Mendes motivado para a nova época

“Estou bastante motivado e ansioso para que comece” foi assim que Diogo Mendes, ciclista de Pevidém, Guimarães, começou por abordar a nova temporada.

Diogo Mendes, que fez a sua formação na EC Carlos Carvalho, prepara-se para uma nova aventura, pois sobe ao escalão de Juniores…“Não será tarefa fácil. É um escalão mais exigente, em que as corridas têm mais quilómetros e o ritmo de competição é maior” referiu Diogo Mendes, que acrescentou: “mas eu trabalho todos os dias para estar ao nível desse desafio. Vou-me esforçar ao máximo para conseguir superar todas as dificuldades”.

“AJUDAR A EQUIPA AO MÁXIMO E TENTAR DISCUTIR ALGUMAS PROVAS”

Quanto a objetivos, o ciclista da zona de Guimarães não tem dúvidas… “Como é o primeiro ano de Júnior e é tudo um pouco diferente do habitual, desde os quilómetros, ritmo, provas com mais de um dia, etc, quero sobretudo, ajudar a minha equipa ao máximo e tentar discutir algumas provas”.

Diogo Mendes afirma mesmo que “este será um ano de grandes aprendizagens a todos os níveis”.

“TREINOS ESTÃO A CORRER BEM”

O ciclista de Guimarães já regressou aos trabalhos há algum tempo e afirma que “os treinos estão a correr bem. Tenho apostado também na preparação física para estar no meu melhor quando começar a época”.

Nesta fase de pré-época, Diogo Mendes divide “os treinos feito na estrada, com os treino de preparação física e algum core” e nem mesmo o frio o afasta da preparação: “temos de treinar e estar preparados. Claro que os primeiros quilómetros custam sempre um bocadinho, mas depois de aquecer é tranquilo. Tenho é de ter mais cuidado devido ao gelo na estrada”.

Agora com o novo confinamento, Diogo Mendes sabe que “tenho de respeitar as restrições e treinar mais vezes sozinho e mais perto da zona de residência”. De resto, o ciclista de Guimarães mostra-se apreensivo quanto ao futuro “tenho algum receio que a pandemia volte a adiar as corridas, mas vamos ter esperança. Neste momento o meu foco é a preparação”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS