BASQUETEBOL

João Miguel Noivo: “o mais importante é voltarmos a competir”

“Este campeonato é uma novidade, ainda não sabemos o que podemos esperar, mas o mais importante é voltarmos a competir” foi assim que João Miguel Noivo começou por abordar a entrada do SC Braga no recém-criado Campeonato Distrital de Sub-21 masculino de Basquetebol.

O treinador do SC Braga, que assume os Sub-21, considera que “este campeonato é muito importante para a formação dos jogadores, pois permite aos mais novos enfrentar uma oposição mais forte e aos mais velhos, que não integram as equipas seniores, encontrarem um espaço para jogar e terem uma adaptação mais gradual ao escalão Sénior”.

“EQUIPA ESTÁ A TRABALHAR BEM”

João Miguel Noivo garante que a equipa está a trabalhar bem e ansiosa para regressar à competição: “a equipa encontra-se motivada e estamos com vontade de voltar a competir. Apesar de haver sempre algumas baixas devido à pandemia, o facto de termos um grupo alargado permite manter um bom nível durante os treinos”.

Como têm sido estes meses de treino sem competição? “Na fase inicial da época, os treinos tiveram um formato mais técnico pela impossibilidade de existir contacto entre jogadores nos escalões de formação. Ainda assim, foram treinos muito importantes para o desenvolvimento individual dos jogadores”, disse João Miguel Noivo, que adiantou: “com o aparecimento do Campeonato de Sub-21 realizou-se a subida de escalão dando mais liberdade no treino, podendo já haver o contacto físico. Desde então, os treinos têm um formato mais coletivo para criarmos rotinas de equipa”.

Para a nova época, João Miguel Noivo receia que “a situação pandémica que vivemos atualmente continue a agravar, mas se todos tivermos cuidado e formos cautelosos, acredito que a situação vai melhorar e então poderemos seguir a nossa vida”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS