VOLEIBOL

Vitória SC estreia-se no recinto do SC Espinho

O Vitória SC desloca-se este sábado, pelas 11 horas, ao recinto do SC Espinho, naquele que é o jogo grande da primeira jornada do Campeonato Nacional de Juniores B1 (Sub-21) masculino de Voleibol.

A equipa treinada por Luís André Paço parte para o campeonato com a ambição de, numa primeira fase, assegurar a passagem à Final Four, onde poderá lutar pela conquista do título nacional, que lhe escapou no ano passado devido à suspensão das competições devido à pandemia.

Para o arranque do campeonato, Luís André Paço considera que a equipa não está no seu melhor, até porque “está a trabalhar de uma forma condicionada. Começamos mais tarde, numa época atípica, em que não houve jogos-treinos ou de preparação”.

Mesmo assim, o Vitória SC mostra-se ambicioso: “o nosso objetivo é entrar a ganhar num campeonato em que podemos dizer que somos candidatos ao título de Campeão Nacional que nos escapou no ano passado devido à pandemia”.

Apesar de todas as condicionantes e da incerteza que se vive, Luís André Paço realça que “estamos contentes por voltar a competir, esperemos que isto se mantenha e não haja paragens”.

Para o primeiro jogo, o Vitória SC não pode apresentar a equipa no máximo, mas “os atletas que vão jogar têm muita ambição e vão dar o seu melhor”.

De referir que nesta primeira fase se apuram os quatro primeiros classificados que vão disputar depois o título nacional. Estando na luta pelo apuramento, Luís André Paço vai ainda “fazer rodar os jogadores que temos para os potenciar para que possam chegar à equipa Sénior. Esse é aliás o grande objetivo desta equipa de Juniores B”.

O Campeonato Nacional de Juniores B Femininos também arranca este fim de semana, com a realização do jogo entre o FC Amares e o CARTaipense, partida que está marcada para as 16 horas de sábado.

VITÓRIA SC RECEBE SPORTING

No Campeonato Nacional da I Divisão masculina o destaque vai para o embate entre o Vitória SC e o Sporting, que está marcado para as 18 horas.

A equipa treinada por Luís André Paço tem como lema “entrar em todos os jogos com a ambição de os ganhar” e, por isso, é de esperar um Vitória SC aguerrido e determinado em levar de vencido um Sporting, que tem, efetivamente, outras ambições no campeonato e um orçamento diferente.

AVC FAMALICÃO MEDE FORÇAS COM LEIXÕES

No Campeonato Nacional da I Divisão Feminina de Voleibol o destaque vai para o embate entre o AVC Famalicão e o Leixões, partida em atraso da sexta jornada.

O jogo está a ser aguardado com alguma expetativa, até porque o Leixões é considera uma das mais fortes candidatas ao título nacional, mas o AVC Famalicão, mesmo desfalcada, quer mostrar o seu valor.

PROGRAMA DE JOGOS

I DIVISÃO

Masculinos – 12.º Jornada

Sábado

16h – CN Ginástica – Clube Kairós

19h – Ala Nun’Álvares de Gondomar – VC Viana/Casa Peixoto, no Pav. Ala de Gondomar

18h – Castêlo da Maia GC – SL Benfica, no Pav. C. Maia GC – em directo na Sport TV

18h – AA S. Mamede – Leixões SC, no Pav. Eduardo Soares

18h – Vitória SC – Sporting CP, no Pav. Desp. Unidade Vimaranense – em directo na Volei TV

18h – CD Póvoa – Esmoriz GC, no Pav. CD Póvoa

Em atraso da oitava jornada:

17h locais – AJF Bastardo x SC Espinho

Feminino

Sábado

Em atraso da sexta jornada

15h, Leixões – AVC Famalicão, Pav. Ilídio Rams, CG Matosinhos

Domingo – nona jornada

15h, Belenenses – Porto Vólei

14.30h, Leixões – Castêlo Maia

14h, Clube K – CD Aves

III DIVISÃO

Masculina

20.30 h – Ginásio Vilacondense – FC Amares

Feminina

Sábado

15h – ADC Perre – CARTaipense – Pavilhão Santa Marta Portuzelo

Domingo

15h – AVC Famalicão – CD Monserrate – Pavilhão Lameiras

15h – VC Viana – Vila Verde AC – Pavilhão Santa Maria Maior

SUB-21

Masculinos (CN Juniores B1)

11h – SC Espinho – Vitória SC

17h – CV Oeiras – AC Albufeira

Femininos (CN Juniores B)

16h – FC Amares – CARTaipense, Pav. Gim. Esc. EB 2.3 Amares

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS