CICLISMO

Henrique Martins na Taça de XCO e ‘Nacional’ de Rampa

Henrique Martins, ciclista de Viana do Castelo, vai marcar presença, no fim de semana, na Taça de Portugal de BTT XCO, que se realiza em Guimarães, e no Campeonato Nacional de Rampa, a disputar em Miranda do Corvo.

O ciclista de Castelo de Neiva participa sábado na segunda prova da Taça e Portugal de BTT XCO, que se realiza no Centro de Ciclismo do Minho, em Souto Santa Maria, Guimarães, em representação da equipa Proteu Cycling Team-Casa do Povo Retorta. Já no domingo Henrique Martins vai com a sua equipa de Ciclismo de Estrada, o ACDC Trofa/Trofense, ao Campeonato Nacional de Rampa, que se realiza em Miranda do Corvo.

Henrique Martins diz-se preparado para a dupla aventura do fim de semana e referiu mesmo que “no sábado posso fazer uma boa corrida. No domingo vamos ver o que consigo fazer”.

“LUTAR PELO MELHOR LUGAR”

De resto, Henrique Martins, que este ano optou por apostar no Ciclismo de Estrada, confessa que se sente muito à vontade no BTT XCO. “Foi na vertente que comecei a fazer competição e conheço bem a pista, pois competi lá o ano passado”, disse o jovem de Viana do Castelo que garante que “vou lutar pelo melhor lugar que conseguir fazer”.

“Sinto-me bem e apesar de não ter treinado muito BTT este ano, pois estou mais focado na Estrada, a verdade é que a pista também não é muito técnica e, por isso, estou confiante numa boa prova”, disse Henrique Martins, que referiu que “estou muito motivado, essencialmente, por poder, finalmente, regressar à competição”.

O ciclista vianense confessa que “estou um pouco ansioso por ir para as provas. É normal, foi muito tempo sem competições”.

“VOU TRABALHAR PARA FAZER UMA BOA PROVA             ”

No domingo, Henrique Martins vai participar no recém-criado Campeonato Nacional de Rampa. “É uma experiência, mas, se conseguir estar bem, vou trabalhar para fazer uma boa prova, um bom lugar”.

De resto: “e apesar de ser uma prova curta, dá-nos a possibilidade de regressar à competição, de sentir, novamente, as sensações e, ao mesmo tempo, avaliarmos como estamos para as provas que se possam vir a realizar”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS