CICLISMO

Carlos Rego (Bombos) no ‘Nacional’ de XCE

Carlos Rego é um dos dois atletas do Bombos S. Sebastião/Monção Bike que vai participar domingo no Campeonato Nacional de Cross Country Eliminator – Eliminação BTT (XCE), que se realiza na Anadia.

O ciclista de Viana do Castelo encara a prova de domingo com otimismo, mas sem grandes preocupações classificativas, até porque “para mim será uma experiência, nunca fiz nenhuma prova com estas características” e depois “com tantos meses sem competição há sempre aquele nervosismo de como irá correr”.

SONY DSC

Quanto a objetivos: “sinceramente, o principal é não cair, ainda não tive a oportunidade de treinar na pista, mas o meu colega de equipa António Viana tem lá treinado e tem falado de como é o trajeto. Por isso, o meu objetivo passa muito por fazer uma boa prova, mas com precaução”.

Carlos Rego considera que esta prova “servirá, exatamente, para ver como estou depois de tanto tempo sem competição”.

A poucos dias do regresso à competição, Carlos Rego confessa-se “muito ansioso, o sentimento de adrenalina que sentimos quando estamos em prova já deixa muitas saudades”.

De resto, Carlos Rego lembra que nunca esteve tanto tempo sem competir…  “apesar de só competir há três anos, portanto, tenho uma pequena carreira se assim lhe podemos chamar, o único tempo que estávamos parados era no período entre setembro e novembro mais ou menos. Desta vez foram seis meses”.

A paragem, a incerteza e a falta de um calendário de provas levou mesmo a algum desânimo…

SONY DSC

“Foram tempos difíceis. Começamos a perder um pouco a motivação e eu senti muito isso. Tive semanas em que não treinei uma única vez. Neste último mês tenho voltado aos poucos aos treinos, mas sinto que a minha forma física sofreu uma grande quebra”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS