CANOAGEM

CN Ponte Lima vence Troféu Nacional de Esperanças

O CN Ponte de Lima foi o grande vencedor da primeira edição do Troféu Nacional de Esperanças, prova criada pela Federação Portuguesa de Canoagem para minimizar as limitações competitivas provocadas pela pandemia de Covid-19 e que obrigou a que o Campeonato Nacional de Esperanças fosse disputado numa única etapa ao contrário do que aconteceu nos anos anteriores, reduzindo bastante o número de atletas.

No Troféu Nacional de Esperanças, disputado no CAR de Montemor-o-Velho, a equipa de Ponte de Lima somou 170 pontos, deixando na segunda posição o CD Vilacondense, com 138, enquanto o CN Fão subiu ao terceiro lugar do pódio, com 100 pontos.

A Darque KC foi a terceira equipa minhota presente e terminou na sexta posição, com 66 pontos.

Pódios

K1 Iniciado

2.º Tomás Matos Silva, DarqueKC

3.º Diogo Figueiredo, CN Fão

K1 Iniciado Feminino

2.º  Bibiana Rodrigues, CNPLima

3.º Luísa Sendão, CNPLima

K1 Infantil feminino

1.º Mariana Pinto da Silva, CP Lima

K1 Menor

1.º João Correia, CNP Lima

2.º Pedro Moreira, CN Fão

3.º GonçaloMorgado,  CN Fão

K1 Menor Feminino

1.º Clara Vale, CNFão

2.º Bárbara Dias Silva, CNFão

3.º  Ana Monte Teixeira, CNFão

C1 Cadete Feminino

1.º  Helena Araújo, Darque KC

K1 Cadete

3.º 3.º João Gonçalves Silva, CNP Lima

K1 Cadete Feminino

1.º Matilde Morais, CNP Lima

2.º Cristiana Rodrigues, CNP Lima

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS