ATLETISMO

Rúben Veloso no 7.º Trail Porto da Cruz Natura

Rúben Veloso, atleta dos Arcos de Valdevez que alinha na EDV – Viana Trail, marca presença domingo no 7.º Trail Porto da Cruz Natura, prova que conta com a presença de cerca de 300 atletas e decorre, este ano, de forma bem diferente do habitual devido à pandemia do Covid-19.

O 7.º Trail Porto da Cruz Natura conta com três distâncias – 12km, 25km e 50km –, e decorre sob fortes medidas de segurança sanitárias, não havendo, por exemplo, abastecimentos para nas provas de 12 e 25km, a partida será dada em grupos de 10 atletas, na zona de partida é obrigatório o uso de máscara, entre outras medidas.

“VOU DAR O MEU MELHOR E LUTAR PARA CHEGAR AO PÓDIO”

Rúben Veloso, que parte esta sexta-feira para a Madeira, vai participar na prova de 25 quilómetros, que conta com a presença de 100 atletas, com o objetivo de chegar ao pódio.

“Vou dar o meu melhor e lutar para chegar ao pódio” começou por afirmar Rúben Veloso, que adiantou que “esta é uma prova com desnível, uma prova diferente para mim porque nunca fui correr à Madeira”.

Esta é a primeira prova em que Rúben Veloso participa depois do desconfinamento… “não estou na minha melhor forma, mas vou dar o meu melhor”.

“NUNCA PAREI DE TREINAR”

“Nunca parei de treinar. Fazia treinos com menos carga e fiz também bicicleta e algum ginásio com ajuda do meu treinador Olavo Carneiro”, disse o atleta dos Arcos de Valdevez, que neste último mês “já treinei com mais carga e tive ajuda do meu fisioterapeuta Formove para a minha recuperação e estar apto para as provas”.

No próximo domingo Rúben Veloso vai avaliar o seu estado de forma…“esta prova serve também para perceber como estou em termos de preparação, para ver a minha forma depois de uma longa paragem de competição e ao mesmo tempo ver como estão os outros atletas”.

Rúben Veloso, que nesta aventura vai ter a companhia de dois companheiros: Ivan Silva (25km) e Vítor Correia (50km), confessa-se “ansioso por voltar a competir”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS