NATAÇÃO

SC Braga domina Campeonatos Regionais

O SC Braga dominou os Campeonatos Regionais de Infantis, Juvenis, Juniores e Absolutos, que se realizaram no fim de semana, nas Piscinas Municipais da Rodovia, em Braga.

A equipa bracarense terminou os três dias de provas com um total de 111 Campeões Regionais, 43 Vice-Campeões e conquistou ainda 30 medalhas de bronze, somando um total de 184 medalhas.

O SC Braga viu ainda José Paulo Lopes e Tamila Holub serem os nadadores com melhores performance dos campeonatos. Atletas que lideram também a lista dos multi-medalhados, com seis medalhas de ouro cada.

LUÍS CAMEIRA “CAMPEONATOS CORRERAM MUITO BEM”

Luís Cameira, treinador do SC Braga, faz um balanço positivo dos Campeonatos Regionais…

“Os Campeonatos Regionais correram muito bem. Reforçamos a hegemonia na Associação de Natação do Minho. Atingimos todos os objetivos a que nos propusemos. Títulos, medalhas, recordes pessoais e conquistamos ainda mais TAC’s para as provas que se seguem”.

EQUIPAS APURADAS PARA OS PRÓXIMOS COMPROMISSOS

O SC Braga conta com 13 atletas apurados para os Zonais de Infantis, que se realizam dentro de duas semanas, e 21 nadadores apurados para os Campeonatos Nacionais de Juvenis, Juniores e Seniores, que se disputam dentro de três semanas.

“Conseguimos o número de atletas que pretendíamos. Claro que nem todos os atletas conseguiram os mínimos porque estavam longe das marcas, que são cada vez mais apertadas. Mas mesmo esses atletas tiveram melhoras significativas. Aliás, estes campeonatos ficam marcados pelos muitos recordes pessoais obtidos. Mesmo os atletas que já tinham os mínimos estiveram muito bem. Fiquei muito satisfeito com os resultados”.

“PREPARAR O MELHOR POSSÍVEL OS ZONAIS E OS NACIONAIS”

Agora o objetivo é preparar afincadamente as provas que se aproximam: Zonais de Infantis, Campeonatos Nacionais e Juvenis, Juniores e Absolutos e Campeonatos Nacional da I Divisão.

“Agora temos o ponto alto desta fase da época. Vamos trabalhar o melhor possível, esperando que não apareçam obstáculos, nem restrições devido ao Covid-19. Estamos esperançados que tudo vai correr normalmente e que vamos chegar a essas provas na nossa melhor forma”.

VIANA NC SEGUNDO NA ROVODIA

O Viana NC foi a segunda equipa com mais títulos conquistados nos Campeonato Regionais de Infantis, Juvenis, Juniores e Absolutos, que se realizam no fim de semana.

O Viana NC viu ainda Daniela Ligeiro ser a terceira nadadora mais medalhada, com cinco medalhas de ouro e uma de bronze.

A equipa de Viana do Castelo sai destes Regionais com 36 Campeões, 19 de Vice-Campeões e conquistou um total de 65 medalhas.

A ED Viana conquistou 71 medalhas e viu 16 dos seus nadadores sagrarem-se Campeões Regionais e 36 Vice-Campeões.

Os Amigos da Montanha arrecadaram 29 medalhas e conquistaram oito títulos de Campeão e sete de Vice-Campeão.

A ED Limiana sai destes Regionais com quatro títulos de Campeão e um total de 22 medalhas, enquanto o Ponte da Barca conquistou três títulos Regionais e um total de 14 medalhas.

Já o SC Caminhense, que se apresentou em Braga com apenas dois nadadores, conquistou três medalhas, duas delas de Prata.

PEDRO CRUZ “BALANÇO POSITIVO”

Pedro Cruz, presidente da Associação de Natação do Minho, mostrou-se satisfeito com a forma como decorreram os Campeonatos Regionais.

“O balanço destes Campeonatos Regionais é muito positivo, apesar de todas as adversidades provocadas pelo coronavírus. Daqui para a frente não sabemos como vão decorrer as coisas, mas estes regionais decorreram de forma tranquila, com as equipas a lutarem pelos seus objetivos”, começo por referir Pedro Cruz.

O presidente da AN Minho referiu que “os nadadores e as equipas empenharam-se bastante, atingiram os objetivos com que partiram para esta competição e, por isso, penso que todos estão satisfeitos”.

Quanto ao futuro Pedro Cruz mostrou-se apreensivo: “não sei como vai evoluir toda esta questão com o covid-19. Não sei quais as diretrizes a nível nacional. A Associação de Natação do Minho vai manter, para já, suas provas. Claro que estamos preocupados porque dependemos sempre das Câmaras Municipais, que são as detentoras das piscinas. Vamos ver como tudo isto evolui”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS