CICLISMO

Seissa em destaque no 6.º BTT XCO Vila de Melgaço

A Seissa/KTM-Bikesen/Matias&Araújo/Frulact esteve em destaque no 6.º BTT XCO Vila de Melgaço, que se realizou domingo no Centro de Estágios de Melgaço.

A equipa de Roriz, Barcelos apresentou-se em Melgaço com algumas novidades: Luís e Gonçalo estrearam-se na prova de Pupilos/Benjamins e Rafa em Iniciados. Mesmo assim a equipa barcelense arrecadou o primeiro lugar da prova de Escolas, depois de ter conquistado dois primeiros lugares (Pupilos/Benjamins e Iniciados), um segundo lugar (Juvenis) e um quinto lugar (Infantis).

Na segunda posição ficou a equipa de Vila Real do Sabor do Norte/ Escola Ciclismo BilaBiker’s, enquanto a União de Ciclismo da Trofa terminou na terceira posição.

GONÇALO SILVA (SEISSA) SEGUNDO EM JUVENIS

Em termos individuais o destaque vai para Gonçalo Silva, bracarense que alinha na Seissa/KTM – Bikesen/ Matias&Araújo/Frulact, que fez segundo lugar na prova de Juvenis, neste que é o seu ano de estreia no escalão.

A prova foi ganha por Carlos Palmeira, do Clube BTT Matosinhos, e na terceira posição ficou ciclista do clube de Matosinhos assumiu as despesas da corrida praticamente, desde a primeira Tomás Fernandes (Sabor do Norte/Escola Ciclismo BilaBiker’s.

Uma palavra ainda para Dinis Vieira (BTT Braguinhas/Padim da Graça) que terminou na quinta posição, enquanto Paulo Fernandes, Diogo Miranda e Rodrigo Rodrigues (Seissa) e José Cardoso (Tomatubikers/Toyota – Macedo e Macedo) ficaram no Top10.

Em femininos, Margarida Vasconcelos (Clube BTT Matosinhos) venceu, deixando nos lugares imediatos as atletas do Sabor do Norte/Escola Ciclismo BilaBiker’s Matilde Fraga e Margarida Fernandes.

Em Infantis, a vitória foi para Hugo Ramalho, do Clube BTT Matosinhos, enquanto Xian Alvariño, do Ponteareas, terminou em segundo e Marcos Rodriguez, do CC Carballiño, foi terceiro.

O melhor ciclista minhoto foi Afonso Silva (Seissa/KTM – Bikesen/ Matias&Araújo/Frulact) que concluiu a prova na quinta posição. Leandro Martins (Seissa) e José Pedroso (Tomatubikers) terminaram no top10.

Em femininos venceu Leonor Lopes, do BTT Matosinhos, que deixou nos lugares imediatos Aiona Posada, do CC Ponteareas, e Lara Azevedo, do Clube BTT Matosinhos.

JOSÉ GOMES VENCE EM INICIADOS

José Gomes, da Seissa/ KTM – Bikesen/ Matias&Araújo/ Frulact, venceu a prova de Iniciados, deixando na segunda posição Marco Gascon, do Team Bike Outeiro de Rei, e em terceiro ficou Benjamin Vasconcelos, do Clube BTT Matosinhos.

Rodrigo Cunha e Rui Lopes (Seissa) concluíram a prova no Top10. Matilde Correia, do Sabor do Norte/Escola Ciclismo BilaBiker’s, venceu a prova feminina.

SAMUEL LOPES E MATILDE FERNANDES (SEISSA) DESTACAM-SE EM BENJAMINS

Na prova de Pupilos/Benjamins Samuel Gomes e Matilde Fernandes, da Seissa/KTM – Bikesen/ Matias&Araújo/Frulact, destacaram-se e venceram as suas provas.

Em masculinos, Miguel Lopes, Sabor do Norte/Escola Ciclismo BilaBiker’s, foi segundo e Marco Coelho, União Ciclismo da Trofa, terminou em terceiro. De salientar que nesta prova participaram quatro atleta que se encontram em formação e tiveram aqui um primeiro contacto com a prova, foi o caso de Gustavo Saleiro e Luís Coelho, da Seissa, bem como os espanhóis Rocio Bello e Joel Alvariño, do CC Ponteareas.

Daniela Fernandes, da Seissa/ KTM – Bikesen/ Matias&Araújo/Frulact, fez segundo lugar na prova feminina.

SONY DSC

HÉLIO SILVA: “BALANÇO MUITO POSITIVO”

A Seissa/ KTM – Bikesen/ Matias&Araújo/Frulact saiu de Melgaço com o primeiro lugar por equipas, apresentando ainda alguns atletas novos na modalidade.

Hélio Silva, da equipa de Barcelos, considerou a participação no BTT XCO de Vila de Melgaço “muito positiva. Foi uma prova que correu bastante bem, ninguém se magoou e os miúdos divertiram-se imenso e nestes escalões isso é que interessa”.

“Estes miúdos estão a aprender, a ganhar gosto pela modalidade e o importante é que eles se divirtam a andar de bicicleta”, disse quele responsável, que lembrou que em Melgaço “tivemos dois meninos que se estrearam nos Pupilos/Benjamins, o Luís e o Gustavo. Ainda temos uma menina, a Cristiana que não pode ir a esta prova. Também temos o Rafa nos Iniciados e esta prova foi uma alegria para eles. Correu bastante bem”.

Hélio Silva referiu que “o nosso objetivo no ACR Roriz é trabalhar com os miúdos, fazer cada vez mais e melhor, para que os miúdos desenvolvam as suas competências e ganhem gosto pelo ciclismo porque não é fácil cativar os miúdos, neste caso, para o ciclismo. É preciso muito trabalho, muita persistência para que eles se fixem na modalidade”.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS