Sem categoria

Atletas do An-Dança com bolsas para a Escola Ateneo de la Danza

Diana dos Santos, Catarina Azevedo, Mariana Nóbrega e Victória Vilaça, atletas do An-Dança, Conservatório de Dança de Vila Nova de Famalicão, receberam bolsas para frequentar o Intensive Summer da prestigiada Escola Ateneo de la Danza, em Itália.

As atletas que vão participar no Intensive Summer foram observadas e escolhidas em contexto de sala de aula pelo professor Richard D’Alton e por vídeo pelo diretor artístico da Escola Ateneo de la Danza, Marco Batti.

MARTA DE OLIVEIRA SOARES: “ATLETAS VÃO FREGUENTAR O CURSO

COM PROFESSORES COM UM VASTO CURRÍCULO”

Marta de Oliveira Soares, Diretora e Presidente da Direção da Associação An-Dança, Conservatório de Dança de Vila Nova de Famalicão, explicou que “as atletas receberam uma bolsa de estudos para frequentar o seu curso de verão com a presença de vários professores com um vasto currículo internacional”.

A An-Dança, Conservatório de Dança de Vila Nova de Famalicão conta atualmente com 150 alunos e Marta de Oliveira Soares lembra que “somos pioneiros na participação de concursos de dança e a escola com maior reconhecimento a nível internacional (temos vários alunos frequentemente premiados e bolseiros com júris internacionalmente reconhecidos!)”.

A An-Dança, Conservatório de Dança de Vila Nova de Famalicão é uma escola em que “a base do ensino é clássico e depois desenvolvem conhecimento na área da dança contemporânea, jazz entre outra”, referiu aquela responsável.

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo

COVID-19

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda medidas de higiene e etiqueta respiratória para reduzir a exposição e transmissão da doença: • Medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e a boca quando espirrar ou tossir, com um lenço de papel ou com o antebraço, nunca com as mãos, e deitar sempre o lenço de papel no lixo; • Lavar as mãos frequentemente. Deve lavá-las sempre que se assoar, espirrar, tossir ou após contacto direto com pessoas doentes. Deve lavá-las durante 20 segundos (o tempo que demora a cantar os “Parabéns”) com água e sabão ou com solução à base de álcool a 70%; • Evitar contacto próximo com pessoas com infeção respiratória; • Evitar tocar na cara com as mãos; • Evitar partilhar objetos pessoais ou comida em que tenha tocado. Seja responsável, faça a sua parte. Respeite o isolamento social. #JUNTOSVENCEREMOS